Para os brasileiros, o Brasil sempre foi "o país do #Futebol". Porém, o desempenho da seleção masculina em Olimpíadas nunca foi satisfatório. Com uma única medalha de bronze, conquistada em Pequim 2008, a equipe brasileira teve desta vez um desafio a mais e com gosto de revanche. Enfrentar a Alemanha, outra vez em casa, era tão importante quanto a meta de ganhar a inédita medalha de ouro.

O fantasma do 7 X 1 e a merecida medalha de ouro

A inesquecível derrota para a Alemanha na Copa do Mundo 2014 ficou marcada no destino da seleção brasileira. Depois do inacreditável placar de 7 X 1, era preciso espantar o fantasma da derrota com mais uma chance.

Publicidade
Publicidade

E ela veio. Superando o natural nervosismo inicial, os jogadores brasileiros corresponderam à torcida que lotou o Maracanã e entregaram o resultado tão desejado.

Em campo, o melhor ataque e a melhor defesa

Neymar, que lesionado não jogou a fatídica final, desta vez capitão do time, ao lado de jogadores de sucesso internacional como Marquinhos do Paris Saint-Germain e Gabriel Jesus, do Manchester City, abriu o placar logo no primeiro tempo. Já se sabia, no entanto, que não seria um jogo fácil. O empate aos 15 minutos do segundo tempo aumentou a tensão. A prorrogação, que terminou em 1 X 1 levou a partida aos pênaltis e o mesmo Neymar, que fez o primeiro gol, bateu o pênalti que deu ao Brasil a vitória de 5 X 4.

Era o melhor ataque, da Alemanha com 21 gols até então, contra a melhor defesa, do Brasil, que ainda não havia sido vazada.

Publicidade

Mas as diferenças entre as duas seleções são enormes. Enquanto o Brasil conta com estrelas, a Alemanha trouxe para o Rio um time sub-23. A preparação da equipe brasileira foi feita em 8 partidas amistosas e duas semanas de treinamentos coletivos. Já a Alemanha, que tem o mesmo treinador há três anos, faz um trabalho desde as categorias de base, fiel à metodologia que, afinal, ganhou a última Copa.

O legado da Olimpíada brasileira

Com 5 medalhas de bronze, 6 de prata, 6 de ouro, e com chance de mais um ouro no vôlei masculino, o Brasil teve o melhor desempenho olímpico da história. Muito se falou no legado deixado pela edição brasileira dos Jogos para a cidade do Rio de Janeiro, mas o que se espera é que o legado maior desta Olimpíada seja o incentivo a todos os esportes e a todos os atletas.

 

  #Olimpíadas #Rio2016