O #Fluminense está fazendo de tudo para a torcida comparecer em massa ao Giulite Coutinho, em Édson Passos, região metropolitana do Rio de Janeiro, no confronto de quarta, às 21h45 (de Brasília), diante do Corinthians. Nesta segunda, a diretoria do Tricolor das Laranjeiras entrou em acordo com a Supervia e, logo após o encerramento da primeira partida entre ambos pelas oitavas de final da Copa do Brasil, serão destinados dois trens extras que levarão os torcedores para a Estação Central do Brasil.

Na semana passada, o Flu já havia informado que colocará três linhas de ônibus saindo da capital carioca e uma de Niterói para facilitar ainda mais a ida do público ao Giulite Coutinho.

Publicidade
Publicidade

Maiores detalhes sobre essa iniciativa se encontram disponíveis através do link http://www.fluminense.com.br/site/futebol/2016/08/25/fluminense-disponibiliza-onibus-para-torcida-lotar-o-giulite-coutinho/.

Até o início da manhã, restavam apenas 2.700 ingressos da carga total disponibilizada (10 mil). A expectativa da diretoria é de não haver mais bilhetes no dia do jogo.

Com a derrota sofrida para o Palmeiras no último domingo (2 a 0, em Brasília), o Fluminense praticamente ficou alijado da disputa de título no Campeonato Brasileiro (está em oitavo lugar com 31 pontos) e vê, na #Copa do Brasil, uma oportunidade de encerrar a temporada com mais um título de caráter nacional, juntando-se à Copa da Primeira Liga, vencida no último dia 20 abril ao bater, na decisão, realizada no Mário Helênio, em Juiz de Fora, o Atlético-PR por 1 a 0, gol de Marcos Júnior.

Publicidade

Além disso, seria uma forma de garantir uma classificação para a próxima edição da Taça Libertadores da América.

O Tricolor esteve presente em 20 edições da Copa do Brasil, torneio criado em 1989. O melhor resultado foi em 2007, quando, após empatar no Rio por 1 a 1 e vencer, em Florianópolis, pelo placar de 1 a 0, derrotou o Figueirense, de Santa Catarina, ficando com o título. Também foi finalista em 1992 e 2005, mas acabou perdendo, respectivamente, para Internacional e Paulista, de Jundiaí. No ano passado, esteve nas semifinais, mas acabou sendo eliminado, nos pênaltis, em São Paulo, pelo Palmeiras, futuro campeão. #PaixãoPorFutebol