O torcedor do Flamengo pode ficar privado de ver o seu time na televisão, pelos menos no #Campeonato Carioca do ano que vem. Informações de bastidores dão conta de que a diretoria do Rubro-Negro mantém firme a sua postura de não aceitar a proposta de renovação de contrato para o Estadual de 2017 ser transmitido pela Rede Globo.

Dois pontos são usados como justificativa por parte da agremiação da Gávea. A primeira é o fato de não aceitar receber a mesma quantia a ser paga para Vasco, Fluminense e Botafogo. De acordo com os flamenguistas, a proporção deveria obedecer os índices de audiência e os tamanhos das torcidas.

Outro motivo seria os inúmeros conflitos que ainda persistem com a Federação de Futebol do Estado do Rio (FERJ), como o número de participantes do Cariocão.

Publicidade
Publicidade

Flamengo discorda totalmente de o certame ter 16 equipes. Para o "Mais Querido", 10 a 12 clubes seriam o ideal.

Segundo o Blog De Prima, do portal Lancenet, o presidente Eduardo Bandeira de Melo não quis gravar entrevista, mas está bastante pessimista quanto a encontrar uma solução para o imbróglio. O dirigente voltou a afirmar que, caso não se encontre um acordo, disputará, em 2017, o Estadual do Rio com um time sub-23, enquanto o grupo principal realizará excursões ao longo do Brasil, além dar atenção para a Copa da Primeira Liga, que já foi reconhecida pela CBF e, se conseguir a vaga, a Taça Libertadores da América.

Detentora exclusiva dos direitos de transmissão do Campeonato Carioca desde 2003, a Globo acertou a renovação de contrato com Vasco, Fluminense e Botafogo por mais três temporadas.

Publicidade

Para isso, dobrou o valor que pagava a cada um dessas equipes: de R$ 70 milhões para R$ 140 milhões.

Enquanto isso, dentro de campo, o #Flamengo, sob o comando de Zé Ricardo, segue a sua caminhada em 2016. Na quarta, às 21h45 (de Brasília), encara, no Kléber Andrade, em Cariacica, o Figueirense no confronto e volta da primeira fase da Copa Sul-Americana. Por ter sido derrotado de 4 a 2 em Florianópolis, o Rubro-Negro, para avançar na competição, necessita vencer por 2 a 0, 3 a 1 ou, no mínimo, três gols de diferença. Se repetir o placar do Sul do país, terá que decidir a classificação nos tiros livres da marca de pênalti. Qualquer outro placar diferente desses favorece ao adversário. #PaixãoPorFutebol