Tendo passagens por grandes equipes do futebol nacional, como Santos, Palmeiras e Cruzeiro, Henrique Dourado veio para o #Fluminense com a dura missão de substituir Fred, que, após sete anos de glórias na aremiação do Rio de Janeiro, transferiu-se rumo ao Atlético-MG. Por coincidência, desde quando o seu novo centroavante assumiu o posto, o Tricolor não sofreu derrotas. Em quatro jogos, foram um empate e três vitórias, a última delas ocorrida na manhã de domingo, quando, inclusive, o camisa 89 marcou o primeiro gol pela equipe carioca e garantiu o 1 a 0 sobre o América-MG, em partida realizada na cidade de Cariacica, região metropolitana de Vitória, no Espírito Santo.

Publicidade
Publicidade

Em entrevista concedida após o treino de reapresentação desta segunda, nas Laranjeiras, o atacante fez questão de dividir os méritos com os demais atletas do elenco e disse que o time subiu por ter encontrado um padrão de jogo, algo a ser mantido para os resultados positivos continuarem acontecendo.

"A equipe está tendo um padrão. Isso tem ajudado bastante. São três jogos, e isso é muito importante. Manter esse padrão tem sido muito bacana, e como eu falei os jogos são sempre difíceis. Precisamos atuar em um nível bacana de se jogar com um padrão definido", explicou Dourado, que, antes do Flu, estava no Vitória de Guimarães, de Portugal.

Na volta aos trabalhos, o grupo foi dividido. Os titulares fizeram um regenerativo na academia do clube. Enquanto isso, os reservas disputaram um jogo-treino e, com gols de Édson e Marquinho, venceram o Nova Iguaçu, da Série B do Campeonato Carioca, por 2 a 1. Adriano descontou para a equipe da Baixada.

Publicidade

Liberados em seguida, os jogadores só voltam a treinar na quarta, às 15h (de Brasília), novamente nas Laranjeiras. Em nono lugar com 28 pontos, o Fluminense irá ao Gigante do Arruda, no Recife, no próximo domingo e, a partir das 16h (de Brasília), encara o Santa Cruz. Se vencer, continuará sonhando com um lugar no G-4 do Brasileirão, o que asseguraria a presença na Taça Libertadores da América de 2017. #Campeonato Brasileiro #PaixãoPorFutebol