Em uma chegada emocionante na final da prova de canoagem do C1-200m, Isaquias Queiroz fez história mais uma vez. Depois de se tornar o primeiro brasileiro a conquistar uma medalha olímpica na canoagem, ele entra para um seleto grupo de atletas do país que conseguiram duas medalhas na mesma edição de Jogos Olímpicos.

Dono do melhor tempo na semifinal, Queiroz largou mal, seu ponto fraco, e enfrentou uma disputa mais que apertada na linha de chegada. Em função disso, precisou esperar 40 segundos até ter seu nome anunciado como medalhista de bronze na manhã desta quinta-feira (18) no Estádio da Lagoa, na Lagoa Rodrigo de Freitas.

Publicidade
Publicidade

O vitorioso foi o ucraniano Iurii Cheban, que conseguiu assim seu bicampeonato olímpico, com 39s279. A prata ficou com Valentin Demyanenko, do Azerbaijão, com o tempo de 39s493. O brasileiro terminou a prova com 39s628, 21 milésimos à frente do espanhol Alfonso Benavides Lopes de Ayala Alfonso.

Com uma prata e um bronze, ele se iguala em número de pódios na mesma Olimpíada a Guilherme Paraense (ouro e bronze no tiro esportivo na Antuérpia-1920), Afrânio da Costa (prata e bronze no tiro esportivo também em 1920), Gustavo Borges (prata nos 200m livre e bronze nos 100m livre nos Jogos de Atlanta-1996) e Cesar Cielo (ouro nos 50m livre e bronze nos 100m livre nos Jogos de Pequim-2008).

Contudo, Queiroz pode ir além. Ele ainda vai disputar nesta sexta-feira a eliminatória da C2-1000m junto com Erlon Silva.

Publicidade

Ambos fazem a dupla atual campeã mundial da modalidade. Caso consiga mais um pódio, será o primeiro brasileiro a conseguir três medalhas em uma mesma edição olímpica.

As medalhas do Brasil até agora

Até o meio do dia desta quinta, o Brasil tinha 13 medalhas nos Jogos Olímpicos do Rio. São três de ouro, cinco de prata e cinco de bronze.

Mas podem surgir mais pódios para o país no dia de hoje. A dupla de vôlei de praia Alison e Bruno disputam a final da modalidade às 23h59, contra os italianos Nicolai e Lupo. Já a dupla Martine Grael e Kahena Kunze estão em primeiro lugar na competição da classe 49er na vela e, se vencerem a prova que será disputada às 15h20, garantem o ouro. #Olimpíadas #Rio2016