A 19º rodada do #Campeonato Brasileiro chegou e dois dos quatro grandes paulistas estão no G4 do torneio. 

O Santos foi até Belo Horizonte, na Arena Independência, e perdeu para o último colocado América-MG, saindo do grupo dos quatro classificados para a Copa Libertadores. O coelho venceu o jogo por um a zero e respirou um pouco na tabela, apesar de está a cinco pontos do penúltimo colocado Santa Cruz. Já o Santos ficou em quinto colocado, com 33 pontos.

O Palmeiras venceu a partida contra o Vitória-BA pelo placar de dois a um, no Allianz Parque. Cleiton Xavier e Lucas Barrios marcaram para os palmeirenses, enquanto que o Vitória descontou com um gol contra do zagueiro Thiago Martins.

Publicidade
Publicidade

Este placar devolveu a liderança para a equipe de Cuca, que está com 36 pontos. Já os baianos estão em décimo quarto com 22 pontos.

Já o rival Corinthians recebeu o desesperado Cruzeiro no estádio do Pacaembu e apenas empatou o jogo diante do seu torcedor. O placar foi de um a um, Giovani Augusto marcou para os donos da casa e o argentino Ábila empatou para a equipe celeste. Os corintianos não jogaram na Arena de Itaquera porque o estádio está entregue à organização dos Jogos Olímpicos Rio 2016. Com este resultado, o Corinthians ficou na terceira posição com 34 pontos e o Cruzeiro está com 19 pontos, na décima oitava posição.

O único paulista distante das primeiras colocações, o São Paulo foi até recife e venceu o Santa Cruz na estreia do técnico interino André Jardine. O atacante argentino Andrés Chávez fez os dois gols do tricolor e o jovem Keno fez para os pernambucanos.

Publicidade

Com este resultado o São Paulo foi a 26 pontos e está na nona colocação. Já o Santa Cruz continua na zona de rebaixamento, na décima nona colocação, com apenas 18 pontos. Diferente do time do técnico argentino Edgardo Bauza, o time de Jardine mostrou posse de bola e objetividade, atacando pelas laterais. Outro destaque positivo do tricolor foi o goleiro Dênis, que defendeu um pênalti do atacante Grafite e diminuiu a desconfiança da torcida.  #Futebol