Os dois primeiros jogos da #Seleção Brasileira nas #Olimpíadas do Rio de Janeiro serviram para afastar o torcedor e deixar a equipe em uma situação difícil. Sem fazer nenhum gol, a seleção canarinho perdeu o apoio dos torcedores e desacreditada seguiu nos Jogos Olímpicos com tudo apontando para uma rápida desclassificação, mas o resultado foi diferente do previsto. Os garotos conseguiram a medalha de ouro e claro que todo mundo queria ouvir as primeiras palavras do jogador Neymar, que foi bastante criticado nas duas primeiras partidas.

Após a vitória sobre a Alemanha, as primeiras palavras do capitão da seleção brasileira foram dirigidas à imprensa de um modo geral, mas, principalmente, a Galvão Bueno que detonou #Neymar nas primeiras partidas e agora ele é quem foi detonado.

Publicidade
Publicidade

Neymar já estava na entrada do vestiário quando foi abordado pelo repórter da Globo. O jogador agradeceu a Deus pela conquista, agradeceu o importante apoio da família, dos amigos e não perdeu a chance de cutucar Galvão Bueno e todos aqueles que não acreditaram nele e na seleção: "Não acreditaram na gente, criticaram muito, mas está aí. Vão ter que me engolir!", disse Neymar em um emocionado desabafo.

Galvão Bueno não ouviu a crítica calado e disse que os jogadores sofreram uma grande pressão e, por isso, têm todo direito de desabafarem agora, não aceitando muito bem a alfinetada de Neymar. Casagrande foi outro que fez questão de responder a Neymar e disse que eles vão "engolir" o jogador sim, mas só se for jogando como nesta partida.

Depois da cutucada em Galvão Bueno, Neymar foi comemorar a medalha de ouro com o filho Davi Lucca que entrou em campo para vibrar com o pai.

Publicidade

Neymar fez o último gol e, assim, o Brasil conquistou a medalha inédita de ouro neste sábado e levou não só o Maracanã à loucura, mas todo o país. Davi Lucca estava lá, torcendo pelo pai, mesmo sem entender muito o que estava acontecendo. Aos 4 anos de idade, o filho de Neymar logo foi destaque para a imprensa nacional e internacional que estava fazendo a cobertura do jogo.

Neymar era só alegria, pois além de conquistar a medalha de ouro, ainda deu uma boa cutucada no Galvão.