No dia em que a #Seleção Brasileira Masculina de #Futebol venceu a Alemanha nos pênaltis, conquistando assim a Medalha de Ouro nos Jogos Olímpicos, único título que faltava ao futebol brasileiro, Neymar, após a partida anunciou sua decisão de não usar mais a braçadeira de capitão do selecionado brasileiro. 

Ainda no gramado o craque do Barcelona declarou que recebeu com carinho a função de capitão da Seleção Brasileira de Futebol, algo que lhe deu muita honra, mas que a partir de agora abre mão desse posto esperando que o novo técnico da equipe do Brasil possa encontrar outra pessoa para essa função.

Rogério Micale, treinador da Seleção Olímpica que conquistou a medalha de ouro, revelou na coletiva de imprensa que #Neymar havia lhe confidenciando antes da realização dos Jogos Olímpicos que não tinha a intenção de permanecer como capitão da Seleção Brasileira quando o técnico Tite assumisse o comando técnico da equipe Canarinho.

Publicidade
Publicidade

Micale considerou a atitude do camisa 10 da Seleção Masculina de Futebol como sendo um gestão nobre e uma demonstração de maturidade do atacante. O treinador da Seleção Olímpica destacou ainda a dedicação do Neymar e o papel decisivo que este desempenho junto ao grupo de jogadores. 

Alguns acreditam que ao abrir mão da braçadeira de capitão da Seleção Brasileira o atacante Neymar Júnior apenas está se antecipando a uma decisão que o próprio técnico Tite já havia anunciado, de fazer um rodízio na capitania do selecionado brasileiro. 

A braçadeira de capitão da Seleção havia sido dada a Neymar pelo ex-técnico Dunga quando assumiu o comando técnico da Seleção em 2014, após o fracasso na Copa do Mundo. A capitania era ocupada anteriormente pelo zagueiro do PSG,

Thiago Silva  acabou não sendo mais convocado pelo treinador gaúcho, que se mostrou particularmente decepcionado com a postura do defensor na partida contra o Chile, na Copa do Mundo, quando esse recusou-se a participar de uma cobrança de penalidades máximas.

Publicidade

Agora fica a expectativa sobre qual será o escolhido de Tite para usar a braçadeira de capitão da Seleção Brasileira