Apesar de ter encerrado a participação na Rio 2016 em 13º lugar, abaixo da 10ª colocação, meta do Comitê Olímpico do Brasil (COB), os atletas brasileiros tiveram a melhor participação da história do país nas Olimpíadas, tanto em número de medalhas como em ouros. Foram, no total, 19 medalhas para o Brasil, sendo 7 de ouro, 6 de prata e 6 de bronze.

Relembre todos os pódios brasileiros

Felipe Wu

Já no primeiro dia de Jogo o Brasil ganhou sua primeira medalha. O feito veio com Felipe Wu, que ficou com a prata no tiro esportivo na competição da pistola de ar 10m. 

Rafaela Silva

A primeira medalha de outro do Brasil veio com a judoca Rafaela Silva.

Publicidade
Publicidade

Desclassificada por um golpe ilegal em Londres 2012,a brasileira conseguiu dar a volta por cima e se consagrou campeã olímpica.

Mayra Aguiar

A segunda medalha do judô brasileiro veio com Mayra Aguiar. A judoca já havia sido bronze nas Olimpíadas de Londres 2012 e repetiu o feito, agora no Rio de Janeiro. 

Rafael Silva

A única medalha para o judô masculino veio com Baby. O brasileiro repetiu o feito de Mayra, que havia sido bronze em Londres e no Rio, e também conseguiu seu segundo bronze olímpico. O brasileiro só parou no francês Teddy Riner, mostro do judô que está invicto há 6 anos. 

Diego Hypólito

Talvez a medalha individual que mais tenha emocionado o público. Depois de duas quedas, em Pequim e Londres, enfim Diego Hypólito conseguiu sua tão sonhada medalha olímpica. Ele foi prata na prova de solo.

Publicidade

Arthur Nory

Em dobradinha do Brasil na ginástica, Nory, em sua primeira olimpíada, conseguiu subir ao pódio junto com Diego e foi bronze na prova de solo. 

Poliana Okimoto

Poliana foi outra que ressurgiu após problemas em Londres. Em 2012, a nadadora da maratona aquática desmaiou antes da prova e teve que desistir. Dessa vez, ela chegou em 4º lugar, mas com a desclassificação da nadadora francesa, Poliana, enfim, subiu no pódio olímpico e pode esquecer o trauma de Londres.

Arthur Zanetti

O até então campeão olímpico nas argolas em Londres 2012 subiu novamente no pódio. Dessa vez, Zanetti ficou com a prata, perdendo para o seu maior rival nesse ciclo olímpico, o grego Eleftherios Petrounias.

Thiago Braz

A maior surpresa dourada do Brasil nos Jogos do Rio ficou por conta de Thiago Braz. O saltador foi ouro no salto com vara. Não satisfeito, quebrou o recorde olímpico com a marca de 6,03m, desbancando o francês Renaud Lavillenie, recordista mundial e até então campeão olímpico.

Isaquias Queiroz

O maior nome individual brasileiro das Olimpíadas.

Publicidade

Isaquias conseguiu um feito inédito para um atleta brasileiro ao ganhar 3 medalhas numa mesma edição dos jogos. Ele foi prata na prova do C1 1000m, bronze no C1 200m e prata no C2 1000m

Erlon de Souza

Erlon foi o companheiro de Isaquias na prova de C2 1000m e levou a medalha de prata para casa

Robson Conceição

O booxador baiano conquistou a primeira medalha de ouro no boxe olímpico para o Brasil ao vencer por decisão unânime o francês Sofiane Oumiha.

Ágatha e Bárbara

A dupla brasileira do vôlei de praia conseguiu desbancar a favorita Wash, tricampeã olímpica na semfinal, mas sucumbiu para a dupla alemã e perdeu o ouro por dois sets a zero.

Martine Grael e Kahena Kunze

A vela, esporte que deu mais medalhas para o Brasil na história das Olimpíadas, não podia passar em branco nos Jogos. No último dia de disputa da modalidade, a dupla de meninas brasileiras levou o ouro na classe 49erFX. Como essa categoria estreava em Olimpíadas, as brasileiras fazem história, sendo as primeiras campeãs.

Alison e Bruno

Segurando o favoritismo desde o primeiro jogo, a dupla brasileira conquistou o ouro no vôlei de praia na Arena de Copacapaba

Futebol Masculino

Enfim o ouro veio para o Brasil no Futebol Masculino, único título que faltava para o futebol nacional.

Maicon Siqueira

Maicon conseguiu a primeira medalha para o taekwondo masculino para o Brasil. Ele foi bronze.

Vôlei Masculino

Para fechar com chave de ouro, o Brasil retomou a coroa no vôlei masculino e foi ouro no último dia de jogos.  #Rio2016