O #Corinthians se viu em uma conjuntura muito conturbada devido às perdas importantes em seu elenco na atual temporada. Sendo assim, o Timão foi em busca de reforços na Série B do #Campeonato Brasileiro, visto que uma das dificuldades do time trata-se da limitação financeira.

O centroavante Gustavo e o jovem jogador Jean se mostraram como uma excelente alternativa para solucionar as carências que hoje Cristóvão tem que enfrentar no time, porém, a cúpula do Corinthians se preocupa com a pressão que ambos poderão sofrer caso os resultados não venham ser imediatos – como deseja a torcida.

Aparentemente, quem deverá sofrer a maior pressão será o jogador Gustavo.

Publicidade
Publicidade

O jovem atleta de 22 anos é detentor de uma boa marca. São 11 gols jogando pelo Criciúma, e ao lado de Nenê, do Vasco, vinha sendo o artilheiro da Série B do Campeonato Brasileiro. Gustavo chega ao Corinthians para tentar fechar a lacuna deixada por Vagner Love, que, desde o fim do ano passado, não houve ninguém que conseguisse, e lembremo-nos que Danilo e Romero tentaram jogar nessa posição e não tiveram sucesso.

A chegada de Gustavo não foi unânime. Uma parte do fragmentado conselho corintiano não via – talvez continue não vendo – o jogador como apto à função.

Para contrariar a esses, Gustavo deixou uma ótima impressão na manhã desta segunda-feira. O jovem atleta roubou a cena com duas assistências, um gol e a participação num outro gol. Teria sido uma impecável demonstração de seu potencial, se não fosse por um pequeno atrito com o zagueiro Vilson.

Publicidade

O primeiro treino de Gustavo no Corinthians deixou uma ótima impressão, na manhã desta segunda-feira, data da reapresentação dos jogadores após a derrota por 2 a 1 para a Ponte Preta. 

Com um gol, duas assistências e a participação em outro, o centroavante de 22 anos roubou a cena no treino dos reservas, o que causou até certo desconforto com o zagueiro Vilson.

Como é típico dos centroavantes, Gustavo é brigador, e em uma corrida acabou acertando um de seus braços no rosto do zagueiro Vilson, depois houve mais dois momentos de desentendimento. Um quando Gustavo tentou um drible no defensor que não gostou e chegou duro e, em um último momento, Vilson já irritado deu uma entrada por trás que “levantou” o recém-chegado.

O jovem Jean é outro que chega cercado de expectativas. O jogador, de apenas 21 anos, despertou o interesse do Corinthians devido às boas atuações que vinha fazendo no Paraná.

Diferente de Gustavo, Jean tem total confiança da diretoria. Tendo Bruno Henrique saído para jogar no Palermo, da Itália, estando Cristian sem vigor físico para exercer a função em questão e Willians sem sequer ser relacionado, pode-se dizer que a vaga é de Jean.

Publicidade

Seja qual for a decisão de Cristóvão, ambos os jogadores ainda não podem ser relacionados para o jogo contra o Fluminense, que vale a oitavas de final da Copa do Brasil. Por terem disputado a Copa do Brasil defendendo outros times, não poderão dar continuidade usando agora a camisa do Timão. Os jogadores poderão jogar somente a partida que valerá os 3 pontos para o Brasileirão que será no dia de 8 setembro, em Itaquera. Na partida, o Corinthians enfrentará o Sport. #Futebol