Em certo momento de sua carreira, o melhor competidor de natação da Olimpíada de 1996, o russo Alexandre Popov imortalizou a seguinte frase sobre os Jogos Olímpicos e seus atletas de todo o mundo: “quem quer que esteja fisicamente bem preparado pode fazer coisas incríveis com seu corpo. Mas quem junta a um corpo em forma uma cabeça bem cuidada é capaz de feitos excepcionais”. E é exatamente isso que os admiradores dos jogos estão podendo constatar desde a abertura oficial das competições na sexta-feira, dia 5 de agosto no Brasil

Entretanto, foi nesse domingo, como que simbolizado por um presente dos deuses, que o país “inventor” das #Olimpíadas, a Grécia, foi agraciado, quando uma das suas mais belas e talentosas atletas presentes no Rio 2016 ganhou a medalha de bronze na prova de pistola de ar de 10 metros.

Publicidade
Publicidade

O nome da competidora grega é Anna Korakáki que tem somente vinte anos de idade, mas teve a honra inesquecível de ocupar a 3ª colocação no pódio das Olimpíadas na cidade do Rio de Janeiro. 

Coube à garota Korokáki conquistar para o país criador das Olimpíadas, a 1ª medalha em um esporte tão diferenciado e isso, depois de quase 100 anos, pois desde 1920, os gregos não conseguiam nenhuma medalha nas provas de tiro. A última conquista nessa modalidade foi em 1920, quando a equipe olímpica da Grécia, conseguiu ganhar a medalha de prata nas provas da pistola automática de 30 metros. 

A grega Anna Korakáki conseguiu demonstrar logo nos seus primeiros disparos dos 20 aos quais tinha direito, um impressionante controle emocional, provando que era uma séria candidata a ficar com uma das medalhas do pódio e não deu outra, no final da competição a atiradora grega, conseguiu fazer o somatório final de 177,7 pontos. 

Essa é a 1ª vez que a competidora grega se faz presente em uma Olimpíada, o que torna o sabor de sua vitória ainda mais delicioso.

Publicidade

A jovem grega Anna, como já mencionado tem 20 anos e é aluna do curso de educação especial, pertencendo ao plantel de atletas do clube Orion em Tessalônica. Korakáki é treinada diretamente pelo seu pai Tassos, esse último sendo atuante no quadro das Forças de Segurança Especial da Grécia#Europa #Rio2016

Listagem dos resultados da final de pistola de ar de 10 metros 

  1. Mengkxoye Tzangk (China): 199.4m - recorde olímpico
  2. Bitalina Mpatsaraskina (Rússia): 197.1m
  3. Anna Korakaki (Grécia): 177.7m
  4. Alechandra Sabala Vázquez (México): 157.1m
  5. Afaf Elchontchont (Egito): 137,1m
  6. Sonia Franket (Espanha): 116,5m
  7. Mpompana Belitskobits (Sérvia): 96,4m
  8. Ekaterina Korsoynoba (Rússia): 73,5m