Neste domingo (11), Santos e #Corinthians se enfrentaram na Vila Belmiro, em partida válida pela rodada 24 deste #Campeonato Brasileiro. O Timão entrou em campo muito entusiasmado e confiante, pois, na última quinta-feira (08), a equipe venceu o Sport por 3 a 0, tendo como destaque o meia-atacante Marlone. Por outro lado, o time da baixada santista veio de derrota para o Internacional. Apesar de vários desfalques, o Santos venceu o Corinthians por 2 a 1, de virada.

Após mais uma derrota na competição, o técnico Cristóvão Borges voltou a ser criticado pela torcida. Confira alguns relatos dos torcedores do clube de Parque São Jorge: "Não me conformo, um clube do tamanho do Corinthians está aturando o Cristóvão Borges como técnico"; "Espantoso como o Cristóvão Borges mexe mal no time do Corinthians. O jogo tava nas mãos, ele mexeu errado e deu margem para o Santos virar"; "Esse incompetente desse Cristóvão está me matando de raiva. O pior de tudo é que ele não admite os próprios erros".

Publicidade
Publicidade

Outros torcedores pedem a saída de Cristóvão, mas se depender da diretoria, o treinador ficará até o final de seu vínculo. "O Cristóvão Borges só faz coisas erradas no Corinthians, um técnico que substituiu errado e não sabe nada de #Futebol, tá na hora de sumir do Timão", relatou esse torcedor. "Está na hora de mandar o Cristóvão Borges embora e junto com ele, tem que ir estes ruins de futebol: Marquinhos Gabriel e Lucca, são muito ruins".

O jogo: Santos 2 x 1 Corinthians

Na primeira etapa da partida, o Timão não se intimidou por estar jogando na Vila Belmiro. Assim, a equipe comandada por Cristóvão Borges manteve o padrão de jogo que foi mostrado no embate contra o Sport, e consequentemente, saiu na frente do marcador com um gol de Marlone.

Mas na segunda etapa, o Corinthians voltou totalmente recuado.

Publicidade

O Santos partiu para o ataque e logo empatou a partida. Cristóvão fez algumas mudanças, mas nenhuma delas surtiu efeito; assim, a equipe da baixada santista virou o placar e se saiu vitoriosa. Essa foi a oitava derrota do Timão nessa época, em 24 jogos - exatamente um terço do total.