O quadro de medalhas do Brasil está oficialmente aberto. Hoje (08/09) o atleta paraolímpico Odair Santos ganhou a #medalha de prata nos 5000 metros na classe T11, para deficientes visuais totais.

Como forma de estratégia, Odair iniciou a prova de forma lenta, não desgastando sua energia inicial. Quem assistia de fora achava que o atleta não conseguiria se recuperar já que se manteve em 4º lugar até os 10 minutos de prova.

Parece que a estratégia deu certo e, quando ninguém mais achava que seria possível, ele liberou a energia que estava guardando para o final e com um bote, acabou assumindo a liderança da prova em poucos segundos.

Publicidade
Publicidade

Primeira medalha paraolímpica do Brasil vem do Atletismo

Porém, faltando apenas alguns metros para o término da prova, Odair Santos acabou ultrapassado pelo atleta paraolímpico queniano, Samwel Mushai Kimani, que acabou ficando com a medalha de ouro, batendo o tempo de 15min16s11.

Apenas alguns segundos separaram o atleta brasileiro da medalha de ouro, o tempo de prova feito por Odair Santos foi de 15min17s55. Odair Santos já havia ganhado 7 medalhas paraolímpicas, sendo três de prata e quatro de bronze. Agora mais uma de prata para contemplar em sua coleção. Esta é a segunda paraolimpíada do atleta.

Mas os títulos conquistados por Odair não param por aí, o atleta ainda é campeão mundial dos 1500 metros em sua classe. A dedicação, força e desempenho do corredor levantaram e emocionaram a torcida no Engenhão, todos lamentaram que ele foi superado pelo outro atleta paraolímpico na última curva dos 100 metros e ter o sonho do ouro superado nesta prova.

Publicidade

Ele, que começou a perder a visão aos nove anos devido a uma retinose pigmentar, conquistou nesta quinta-feira sua oitava medalha na história dos Jogos Paralímpicos. Em Atenas (2004) e Pequim (2008), ele conquistou duas medalhas de prata e quatro de bronze. Em Londres (2012), Odair perdeu totalmente a visão e teve que mudar de classe, mas adaptou-se totalmente e faturou a prata.

O atleta não conteve sua felicidade por competir pelo seu país em casa e ainda conquistar uma medalha de prata. #paraolimpiadas #primeira medalha do brasil