Atendendo a um pedido de Tite, a Confederação Brasileira de futebol (CBF) vem trabalhando firme nos bastidores com o intuito de levar alguns jogos da Seleção nas #Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo de 2018, na Rússia, para as cidades do Rio de Janeiro e de São Paulo.

Segundo informações não-oficiais, a postura da entidade se deve, além de satisfazer o desejo do treinador, pelo carinho recebido durante o torneio de futebol masculino das últimas Olimpíadas. Na ocasião, o Brasil esteve na Arena Corinthians, na capital paulista, pelas semifinais e venceu a Colômbia por 2 a 0, garantindo presença na decisão, na qual, diante de um Maracanã com mais de 70 mil pagantes, assegurou o inédito ouro na modalidade ao derrotar, nos pênaltis, a Alemanha pelo placar de 5 a 4, depois de um empate de 1 a 1 no tempo normal.

Publicidade
Publicidade

Confirmando-se o seu intento, a CBF escolheria dois dos três últimos jogos pelas Eliminatórias, todos no ano que vem: Paraguai (março), Equador (agosto) e Chile (outubro). O confronto, que restasse, deve ser levado para a Arena Pantanal, em Cuiabá, no Mato Grosso. A definição sobre esse assunto está prevista para o final do mês de dezembro de 2016. Até o momento, estão confirmados a Arena das Dunas no próximo dia 09 de outubro e o Mineirão, em novembro, quando a #Seleção Brasileira encara, respectivamente, a Bolívia e a Argentina.

Depois de um momento bastante turbulento, quando chegou a ocupar o sexto lugar na classificação, o Brasil reagiu nas Eliminatórias ao vencer o Equador por 3 a 0, em Quito, acabando com um jejum de aproximadamente 30 anos sem vencer na capital daquele país e, na Arena da Amazônia, mesmo com grandes dificuldades, bater a Colômbia pelo placar de 2 a 1.

Publicidade

Graças aos 100% de aproveitamento nessa sequência o escrete canarinho chegou aos 15 pontos, subindo para a vice-liderança do torneio sul-americano, que dá quatro vagas diretas para o Mundial na Rússia, além de possibilitar ao quinto o direito de disputar uma repescagem contra o vencedor da Oceania. #PaixãoPorFutebol