O grande sonho da torcida do Fluminense está perto de, finalmente, virar realidade. Um dos candidatos para substituir Peter Siemsen na presidência do clube carioca, Pedro Trengrouse, em entrevista concedida ao Net Flu no início da noite desta quiinta, revelou que agendou uma reunião na sede da FIFA, na Suíça, em meados de outubro com o intuito de levar alguns documentos necessários para a entidade oficializar a Copa Rio de 1952, conquistada, na ocasião, pelo Tricolor, como um Mundial de Clubes.

"Conversei com o presidente Peter Siemsen sobre o reconhecimento do título tricolor por parte da Fifa e desde então venho tratando do tema.  Estou agendando uma viagem de representantes do clube à Suiça, entre os dias 10 e 14 de outubro, para ser recebido por Infantino (Gianni, presidente da FIFA) e sacramentar o reconhecimento público do campeonato vencido há mais de 50 anos", declarou Trengrouse.

Publicidade
Publicidade

Em novembro de 2014, a FIFA, ainda dirigida por Joseph Blatter, já havia oficializado o Palmeiras, vencedor da Copa Rio de 1951, como campeão mundial. Essa decisão serviu como um reforço para a intenção do #Fluminense de atingir o mesmo status de outros grades do futebol brasileiro, casos de São Paulo, Internacional e Corinthians.

A Copa Rio de 1952 deveria acontecer no ano seguinte, mas, por estar comemorando o seu cinquentenário, o Fluminense contou com o apoio da Confederação Brasileira de Desportos (atual CBF) para antecipar a competição. Além do Tricolor, o torneio teve mais sete participantes: Corinthians, Penãrol (Uruguai), Grasshoppers (Suíça), Sporting (Portugal), Austria Viena (Áustria), Libertad (Paraguai) e Saarbrücken (Alemanha). 

Jogando todas as suas partidas no Maracanã, o Fluminense iniciou a sua trajetória no dia 13 de julho com um empate sem gols diante do Sporting.

Publicidade

Quatro dias depois, no sufoco, a equipe das Laranjeiras fez 1 a 0 sobre o Grasshoppers. No dia 20 de julho, o Tricolor, com uma atuação de gala, garantiu a sua vaga para a decisão com sonoros 3 a 0 no Penãrol.

Na final, a ser realizada em dois jogos, ambos no Maracanã, o Fluminense teria um velho conhecido: o Corinthians, que, na primeira fase, venceu a chave disputada em São Paulo contra Austria Viena, Libertad e Saarbrücken. No primeiro confronto, o Tricolor encaminhou o título internacional vencendo por 2 a 0. No jogo decisivo, um empate de 2 a 2 sacramentou a ida da taça para o Salão Nobre das Laranjeiras. #Copa Rio 1952 #PaixãoPorFutebol