O presidente do Fluminense Football Club, Peter Siemsens, teve um encontro com o presidente da FIFA Gianni Infantini, entregou uma camisa do #Fluminense com o nome do mandatário da FIFA atrás da camisa e lembrou a questão do reconhecimento do Fluminense como campeão mundial em 1952, que está pendente até hoje na entidade.

Peter trabalhou por dois anos consecutivos junto com o executivo da FIFA na comissão e calendários da entidade.

O presidente do clube carioca marcou um encontro com Gianni Infantino no segundo semestre, para levar mais material e dar mais embasamento à FIFA para que esta possa ter mais subsídios para determinar sobre o assunto de forma positiva sobre o pedido do Tricolor das Laranjeiras.

Publicidade
Publicidade

O pedido refere-se à conquista da Copa Rio de 1952, que foi um torneio aos moldes do formato do Mundial da FIfa como é hoje. Participaram do torneio: Peñarol (campeão uruguaio de 51), Grashoper (campeão suiço da temporada), Fluminense, Sporting (campeão português da temporada), Saarbrucken (vice campeão alemão na temporada), Libertad (lider do torneio paraguaio na época da Copa Rio), Corinthians (campeão paulista de 51) e Austria Viena (liderava o campeonato austríaco na época).

A competição foi organizada pela CBD (Confederação Brasileira de Desportos) e teve à época autorização e acompanhamento da FIFA. A fase inicial tinha dois grupos de quatro sendo que os jogos de um grupo eram disputados em São Paulo e os jogos do outro grupo no Rio de Janeiro.

Fluminense e Peñarol - o time uruguaio possuía cinco jogadores mundiais de 1950 - avançaram pelo grupo do Rio de Janeiro, e Corinthians Austria Viena pelo grupo de São Paulo.

Publicidade

Nas semi-finais, em dois jogos, o Fluminense bateu o Austria Viena por 2x0 e 5x2.

Fluminense sagrou-se campeão ganhando por 2x0 do Corinthians e empatando por 2x2, ambos os jogos no Maracanã.

Time base do Fluminense Football Club: Castilho; Píndaro, Pinheiro (Nestor), Jair, Edson, Bigode, Telê (Robson), Didi, Marinho, Orlando Pingo de Ouro e Quincas. Técnico: Zezé Moreira. #Brasil #Futebol