No início da tarde desta segunda, o Fluminense divulgou que, da carga inicial de 11 mil ingressos, restam apenas três mil para o confronto das 20h (de Brasília), no estádio Giulite Coutinho, em Édson Passos, região metropolitana do Rio de Janeiro, diante do Atlético-MG no fechamento da 24ª rodada do #Campeonato Brasileiro.

Até as 15h (de Brasília), as entradas continuam disponíveis nos postos de vendas divulgados anteriormente e que, durante a manhã, receberam longas filas. Depois desse horário, os torcedores deverão somente nas bilheterias do Giulite Coutinho, que só fecharão no fim do primeiro tempo do clássico. A expectativa é de não haver mais ingressos antes de a bola começar a rolar.

Publicidade
Publicidade

Outro fato que se tornou conhecimento do público foi a lista de jogadores relacionados por Levir Culpi para a partida. No gol, sem contar com Diego Cavalieri, lesionado, foram chamados Júlio César (titular) e Marcos Felipe. Nas laterais, a primeira novidade. Juntamente com Wellington Silva, Igor Julião e William Matheus, o jovem ala esquerdo Aírton, revelação dos Juniores, ganha uma oportunidade na vaga de Giovanni. Para a posição de volantes, Édson, Douglas e Cícero. Pierre, suspenso pelo terceiro cartão amarelo, fica de fora. Claudio Aquino, Marquinho, Gustavo Scarpa, Dudu e Danilinho foram os escolhidos como apoiadores, enquanto Henrique Dourado, Samuel, Marcos Júnior, Magno Alves e Maranhão, outro que retorna depois de um longo tempo afastado, são as opções do setor ofensivo. Destaque da Seleção Brasileira Sub-20, o centroavante Richarlison não irá para o jogo.

Publicidade

O time, porém, continua sendo um mistério que só será desvendado 40 minutos antes do início do jogo. A tendência, porém, é de o #Fluminense, que, com 34 pontos e ocupando o 10º lugar, necessita vencer para continuar buscando uma vaga no G-4 do Brasileirão e, de quebra, estar na Taça Libertadores do ano que vem, inicie da seguinte forma: Júlio César, Wellington Silva, Gum, Henrique e William Matheus; Édson, Douglas, Cícero e Gustavo Scarpa; Henrique Dourado e Wellington. #PaixãoPorFutebol