Se depender do retrospecto, o #Fluminense tem todos os motivos para ficar otimista em avançar na #Copa do Brasil. Ao longo das fases anteriores, o Tricolor jamais deixou os gramados sem balançar as redes de seus adversários.

Na primeira fase, jogando em Muriaé, zona da mata  Minas Gerais, o Fluminense garantiu a vaga para a segunda etapa da Copa do Brasil sem a necessidade do segundo jogo ao aplicar 3 a 0 sobre o Tombense-MG. Marcos Júnior (duas vezes) e Gérson sacramentaram o resultado.

O desafio seguinte era a Ferroviária, de Araraquara. Na ida, o time carioca foi ao interior paulista e arrancou um empate de 3 a 3. Fred (2) e Magno Alves marcaram os gols do time dirigido por Levir Culpi.

Publicidade
Publicidade

No Raulino de Oliveira, em Volta Redonda, Fred, Gustavo Scarpa e Marcos Júnior espantaram a zebra e asseguraram os 3 a 0.

Na terceira fase, o Flu tinha, pela frente, o Ypiranga-RS. Em Volta Redonda, com direito a pedido de demissão de Levir Culpi, prontamente recusado pela diretoria, a agremiação das Laranjeiras teve um rendimento bem aquém do esperado, saiu perdendo, mas Magno Alves livrou o time de um vexame maior ao fazer o gol que determinou o empate de 1 a 1. O Magnata também teve um papel fundamental no duelo de volta. No Colosso da Lagoa, em Erechim, interior do Rio Grande do Sul, o atacante entrou no segundo tempo e, de cabeça, definiu a vitória de 2 a 0 e a classificação. Cícero, que havia desperdiçado uma penalidade máxima no jogo de ida, abriu o placar do encontro.

Veio as oitavas-de-final e, no Giulite Coutinho, em Édson Passos, o Fluminense até saiu na frente com Marquinho, porém acabou vacilando e ficou no 1 a 1 diante do Corinthians.

Publicidade

Com esse resultado, o Tricolor, se quiser evitar uma saída precoce do torneio, que dá, ao campeão, uma vaga na Taça Libertadores da América, necessitará vencer o Alvinegro do Parque São Jorge no clássico desta quarta, às 21h45 (de Brasília), marcado para a Arena de Itaquera, bairro localizado na zona leste de São Paulo. Empates a partir de 2 a 2 também servem. #PaixãoPorFutebol