A #nascar já tem seu primeiro piloto classificado para a final. Após assumir a liderança no último quinto de prova, Jimmie Johnson não deu chances para seus adversários e venceu, neste domingo (30), a etapa de Martinsville, primeira etapa da terceira fase do chase, se garantindo na fase final da competição, onde tentará seu sétimo título na etapa de Homestead-Miami, marcada para 20 de novembro.

Mesmo fora do chase, Martin Truex Jr largou na pole e manteve nas primeiras voltas. Na 21ª volta Ricky Stenhouse Jr rodou e foi parar no muro, trazendo a primeira amarela da corrida. Na volta 64, David Ragan teve problemas no motor e trouxe a segunda amarela.

Publicidade
Publicidade

A relargada foi dada na 70 com Truex na frente, mas Kyle Larson tomou a ponta quatro giros mais tarde. A alegria do 42, no entanto, durou apenas cinco voltas, tempo que o número 78 precisou para retomar a ponta.

Detritos na pista trouxeram a terceira amarela na volta 133. E os problemas para os disputantes do chase vieram junto. A primeira vítima foi Kevin Harveric, que acabou penalizado e foi para o final do pelotão.  Outros que tiveram problemas com penalidades foram Hamlim e Carl Edwards.

Jimmie Jonshon também não escapou dos problemas. O piloto do 48 travou um embate com Denny Hamlin e acabou levando a pior, com seu carro sendo danificado. Para sua sorte, a bandeira amarela foi acionada na volta 201 e após uma parada mais demorada o piloto voltou na 21ª posição. Naquela altura Matt Kenseth era o líder.

Publicidade

O novo ciclo de bandeira verde durou mais de 100 voltas e os pilotos começaram a fazer suas paradas, até na volta 356 Carl Edward, piloto do chase, teve um pneu estourado, chamando a quinta amarela. E ai a sorte sorriu para Johnson, que ainda não tinha feito sua parda e já estava em segundo, atrás apenas de AJ Allmendinger. Só que não. Uma pane seca deixou o carro 48 parado na pista por alguns instantes e a vantagem foi embora. Ele ainda conseguiu levar chegar até o pits para reabastecer.

Após muita discussão de quem seria o Lucky Dog, a prova só foi reiniciada na volta 387, com Hamlin comandado o pelotão. Mas a liderança não durou muito e poucas voltas depois, o 48 apareceu no retrovisor do 11 e o hexacampeão da categoria não quis saber de muita conversa e assumiu pela primeira vez a liderança da prova para não mais perder. Nas voltas finais, Brad Keselowski, que já está fora da disputa, tentou aproximação, mas não conseguiu ameaça-lo.

Dos outros pilotos do chase, Denny Hamlin foi o 3º colocado, Matt Kenseth o 4º e Kyle Busch o 5º. Se o chase terminasse agora, eles também estariam classificação. Completando os oito que ainda estão na briga pelo título, Joe Logano foi o 9º colocado, Kevin Harvick o 20º, Kurt Busch o 22º e Carl Edwards apenas o 36º.

A próxima etapa da Nascar será disputa no domingo (6), no Texas. #hepta #Automobilismo