A rodada desta quarta-feira apontou os quatro semifinalistas da #Copa do Brasil de 2016. E, assim como ocorreu nos dois últimos anos, um clássico pode definir o grande campeão do torneio. De um lado da chave, disputarão uma vaga na final Atlético-MG e Inter. Do outro, #Grêmio e Cruzeiro se encontram em busca de um lugar na final. Rio Grande do Sul e Minas Gerais roubaram a cena e deixaram o badalado eixo Rio-SP de fora da fase quente da competição.

Caso os mineiros avancem, eles reeditarão a final de 2014. Na ocasião, Cruzeiro e Atlético-MG fizeram a final e o Galo levou a melhor, ficando com a taça ao vencer os dois jogos da decisão.

Publicidade
Publicidade

No ano passado, Palmeiras e Santos se encontraram em uma decisão 100% paulista. Melhor para o Verdão, que conquistou o título nos pênaltis. Inter e Grêmio jamais fizeram juntos uma final de Copa do Brasil e a possibilidade de um Gre-Nal já tem agitado as redes sociais.

Atlético-MG x Inter

Para chegar à semifinal, o Galo passou por um tremendo sufoco em Caxias do Sul. No jogo de ida, os mineiros venceram o Juventude por 1x0 e levaram uma vantagem relativamente grande para o duelo da volta. Mas a equipe gaúcha demonstrou força nesta quarta-feira e devolveu o mesmo placar. Nos pênaltis, o goleiro atleticano Victor brilhou com duas defesas e colocou sua equipe na fase seguinte.

Ao contrário do Galo, o Inter precisava reverter uma vantagem no jogo da volta das quartas de final. Isso porque o Santos venceu na Vila Belmiro por 2x1 e jogava pelo empate na noite desta quarta-feira no Beira-Rio, em Porto Alegre.

Publicidade

Ameaçado pelo rebaixamento no Brasileirão, o colorado poupou alguns titulares e mesmo assim foi superior ao Santos. Com gols de Aylon e Eduardo Sasha, o Inter surpreendeu o Peixe, venceu por 2x0 e garantiu vaga na semifinal do torneio - feito que não alcançava desde 2009, quando perdeu para o Corinthians na decisão.

Cruzeiro x Grêmio

No outro lado da chave da Copa do Brasil, mais um duelo entre gaúchos e mineiros. Contando com o apoio maciço de sua torcida no Mineirão, o Cruzeiro não tomou conhecimento do Corinthians na quarta-feira e impôs aos paulistas uma pesada derrota por 4x2. Como havia vencido o primeiro jogo em São Paulo por apenas 2x1, o Timão ficou de fora da fase quente da Copa do Brasil.

Para se credenciar a pegar o Cruzeiro na semi, o Grêmio eliminou "apenas" o líder do Brasileirão. Os gaúchos foram valentes e aguerridos para atribuir ao Palmeiras a primeira eliminação na história do Allianz Parque, novo estádio do alviverde inaugurado em novembro de 2014. Para tanto, o time gaúcho segurou um empate em 1x1, que foi suficiente graças à vitória no jogo de ida por 2x1.

Publicidade

Na partida, o Palmeiras acabou enfraquecido após a justa expulsão do meia argentino Allione.

As duas semifinais estão marcadas para os dias 26 de outubro (próxima quarta-feira) e 2 de novembro, com Atlético-MG e Santos tendo a vantagem de fazer a segunda partida em casa. Terá o futebol brasileiro o terceiro clássico seguido decidindo uma das suas principais competições? A resposta começa a ser dada na semana que vem. #Internacional