Em busca de bons reforços para 2017, o #Corinthians pode estar em busca de um velho conhecido para reforçar o ataque. Trata-se do atacante Jô, de 29 anos, que rescindiu recentemente seu contrato com o Jiangsu Suning, da China. A informação foi revelada pelo UOL e confirmada pelo LANCE!. Pessoas próximas ao jogador confirmam que o acerto deve ser selado nas próximas semanas.

Jô deixou a China após a contratação do atacante colombiano Roger Martínez, excedendo o limite de estrangeiros no clube. Hoje, o atacante está treinando no Atlético-MG para manter a forma, e sua prioridade é voltar ao Brasil. No Timão, ele chegaria para disputar vaga com Gustavo e Luidy, reforço do CRB para 2017.

Publicidade
Publicidade

Sassá, do Botafogo, também está na mira. A negociação está sendo tratada com o Corinthians pelos agentes do jogador, Giulano Bertolucci e Kia Joorabchian. Do lado corintiano, o próprio presidente Roberto de Andrade é o responsável por acertar os detalhes.

Além do time paulista (onde foi campeão paulista em 2003 e brasileiro em 2005), Jô teve passagens por Manchester City (ING), Atlético-MG, Everton (ING), CSKA (RUS), Galatasaray (TUR), Internacional e Al-Shabab (EAU).

AVAL

Novo técnico do Timão, Oswaldo de Oliveira já teria dado seu aval para a contratação acontecer. Inclusive, os dois já trabalharam juntos no próprio Corinthians. No alvinegro, ele é o jogador mais jovem a vestir a camisa corintiana, com 16 anos, três meses e 26 dias de vida. Ao todo, foram 115 jogos e 18 gols marcados antes de ser negociado com o CSKA Moscou, da Rússia. 

REFORÇOS

Outro nome que, segundo o site Superesportes, já está apalavrado com o Timão seria o do meia Raphael Veiga, do Coritiba.

Publicidade

Com a penas 21 anos, o jovem jogador do Coxa tem se destacado no Brasileirão deste ano, com dois gols e três assistências. Apesar do suposto acerto, Flamengo, Palmeiras e Cruzeiro também estão de olho no meia.

O contrato de Raphael vai até o final da próxima temporada, sendo que sua multa rescisória para o mercado nacional é de R$ 9,7 milhões, sendo que 60% de seu passe pertence ao Audax. #jô #Futebol