Fedor Emelianenko é tido pelos fãs do MMA como uma lenda no #Esporte. Apesar de ser um dos maiores lutadores de todos os tempos, a força do atleta russo de nada adianta para vencer seu maior desafio: ver a filha, que está hospitalizada após ser violentamente agredida, reagir e ficar boa.

O atentado contra a adolescente de 16 anos foi confirmado pela União Russa de MMA. Ela foi agredida na hora em que saía do colégio, na Rússia, no último domingo (9). Bastante machucada, a jovem foi socorrida e agora está em tratamento intensivo no hospital. Seu estado de saúde é considerado estável.

Não se sabe ainda quem teria praticado a violência e nem o motivo.

Publicidade
Publicidade

Chamado de "Último Imperador", Emelianenko aguarda as investigações para entender o que de fato aconteceu. Após a divulgação oficial da ocorrência, uma investigação policial foi aberta para descobrir a autoria das agressões.

Na comunidade de lutadores e fãs, o caso ganhou repercussão e novos desdobramentos. Nos últimos dias outros elementos entraram em cena. Começaram a circular informações de que o ataque teria ocorrido porque Fedor fez duras críticas ao evento de luta na Chechênia (uma "república" da Rússia, com estatuto de autonomia um pouco semelhante aos dos estados brasileiros), o World Fighting Championships. Ele criticou a organização por promover lutas com crianças.

A secretária da União Russa de MMA concedeu uma entrevista para o site Tass.ru onde confirma as agressões à filha de Fedor Emelianenko e informa que a garota está se recuperando de forma satisfatória, apesar de ter sido submetida a um tratamento médico intensivo.

Publicidade

Disse ainda que a polícia está apurando as causas do incidente por meio de investigação em curso. Descartou, por enquanto, que as hipóteses levantadas pelos veículos de comunicação sejam verdadeiras, conforme as autoridades competentes.

O próprio Emelianenko ainda não divulgou nenhum comunicado sobre a situação. No entanto, conforme entrevista que o treinador do "Último Imperador", Vladimir Voronov, concedeu ao site R-Sports e traduzida pelo Bloody Elbow, a lenda dos tatames segue treinando em Stary Oskol. O treinamento é para uma luta cuja data, local e adversário ainda não foram anunciados. #Crime