No último sábado, o #Vasco da Gama encontrou a cidade de Cariacica-ES mais uma vez. O Estádio Kléber Andrade foi palco de uma boa exibição do cruzmaltino, que finalmente voltou a vencer na série B e colou no líder Atlético Goianiense. Após o término da partida, o técnico Jorginho concedeu entrevista coletiva e rasgou elogios a um jogador em especial.

"O Willian (Oliveira) é nosso verdadeiro cão de guarda. Foi muito importante na partida de hoje, na falta do Diguinho. Conseguiu proteger muito bem nossa zaga e, por isso, Luan e Rodrigo não ficaram expostos no um contra um. Na partida ele foi muito eficiente.", declarou o técnico Jorginho.

Publicidade
Publicidade

Na mesma entrevista, Willian agradeceu os elogios do comandante e disse que segue trabalhando duro para reconquistar seu espaço como titular do Vasco ao longo da competição.

O jogo

Não foi uma exibição de gala do Vasco da Gama, e muito menos do Paraná, mas os pouco mais de 2 mil torcedores no Kléber Andrade puderam ver uma partida emocionante e com boas chances de gols para ambos os lados. O Vasco começou melhor, mais intenso, mas esbarrava na falta de criatividade de Júnior Dutra (o pior em campo) pelo lado esquerdo do ataque. Como o cruzmaltino se lançava ao ataque, deixava bons espaços para o Paraná explorar, mas a segurança de Martín Silva, em pelo menos 3 bolas importantes ao longo do jogo, anulavam as pretenções do time mandante.

Nenê, principal nome do Vasco, apresentou leve evolução em comparação as últimas partidas, mas ainda está longe daquele jogador diferente do ano passado.

Publicidade

A arbitragem, perdida e confusa, foi alvo de protestos vindos da arquibancada, e isso se justifica com marcações equivocadas e até um pênalti não assinalado em Nenê ainda no começo da partida.

O gol do Vasco saiu do pé de quem os torcedores menos queriam que entrasse em campo: Thalles. Ele recebeu cruzamento de Júlio César, dominou com o peito, e tocou para o gol na saída do goleiro Marcos.

O próximo compromisso do Vasco pelo série B é na próxima quarta-feira, às 21:45 contra o Avaí, no Rio de Janeiro. #Futebol #Campeonato Brasileiro