A briga continua boa pelo acesso para a elite do futebol brasileiro. Após a realização de todas as partidas da 33ª rodada da Série B do Brasileirão, o Náutico tem muito o que comemorar. Com a vitória por 2 a 1 sobre o líder Atlético-GO, o clube pernambucano voltou a assumir a 4ª colocação.

Ultimamente, o Timbu chegou a figurar no G-4 nas rodadas de número 30 e 31, perdendo a posição na 32ª rodada, após derrota para a Luverdense-MT.

Lembrando que o #Náutico cresceu após o técnico Givanildo Oliveira assumir o time na 24ª rodada, quando o time ocupava a 8ª colocação, a sete pontos da zona de acesso.

A liderança continua com o Atlético-GO, que apesar da derrota sofrida em Pernambuco, não poderia ser alcançado pelo Vasco nesta rodada, já que a diferença entre as equipes era de quatro pontos.

Publicidade
Publicidade

Já o Vasco deixou a desejar e apenas empatou com o Avaí, por 0 a 0. Após a partida, a torcida xingou o presidente vascaíno Eurico Miranda, o que provocou a ira de Euriquinho, filho do cartola, causando confusão e a ação da Polícia Militar utilizando spray de pimenta para conter os mais exaltados.

Na terceira colocação está o Avaí, que arrancou o empate contra o Vasco. O time catarinense teve uma reação impressionante no segundo turno, pois chegou a ficar bem perto da zona de rebaixamento no primeiro turno.

Ainda lutando por uma vaga na Série A, Bahia e Londrina estão a apenas um ponto do G-4. O Bahia superou o Ceará em casa por 3 a 1, de virada e assumiu o quinto lugar.

O Londrina deixou o G-4, após empatar em 1 a 1 com o Criciúma, em Santa Catarina.

Matematicamente, os outros times com possibilidade de acesso são: CRB (7º colocado, com 49), Criciúma (8º, com 47), Ceará (9º, com 47), Luverdense (10º, com 47), Vila Nova (11º, com 46) e Brasil de Pelotas (12º, com 46).

Publicidade

Zona do rebaixamento

Do lado inverso da tabela, tudo indica que os quatro times rebaixados já estão definidos: Sampaio Corrêa (20º colocado, com 27 pontos), Joinville (19º, com 30), Tupi (18º, com 30) e Bragantino (17º, com 30). Os quatro, matematicamente, podem se livrar, porém, o futebol apresentado em campo por eles e a constante fase entre os últimos colocados faz com que os seus torcedores tenham pouca esperança por um milagre. #SérieB #BascodaGama