#Santos e #Palmeiras chegaram para a 33ª rodada do Brasileirão separados por nove pontos com o Peixe tentando entrar no G3 – lugar que dá vaga direta à Libertadores da América. Já o time da capital foi à Vila Belmiro com o objetivo de aumentar ainda mais a sua vantagem na liderança do campeonato.

Todos os ingressos da partida foram esgotados, com público e times dignos do clássico paulista de maior rivalidade recentemente.

Antes do apito inicial, foi prestado um minuto de silêncio em homenagem à morte do ex-lateral do Santos e da Seleção Brasileira, Carlos Alberto Torres. Após o tempo determinado, os torcedores alvinegros começaram a empurrar o time, parecendo se tratar de um jogo de decisão.

Publicidade
Publicidade

O primeiro tempo do jogo foi de muito nervosismo e reclamações de ambos os lados. O árbitro Dewson Fernando Freitas da Silva não marcou muitas faltas e deixou o jogo seguir, o que provocou irritação dos dois times.

No segundo tempo, o time praiano pressionou a saída de jogo do adversário, encurralando o time alviverde no seu campo de defesa. Parecia que o Palmeiras veio à Vila Belmiro proposto a buscar o empate – o que manteria o time com vantagem de seis pontos para o vice-líder Flamengo.

O Santos aproveitou uma das duas chances reais que criou no jogo para abrir o placar aos 22 minutos. O zagueiro David Braz rolou para Lucas Lima que cruzou para o meio da área, e o goleiro Vinícius Silvestre – que se tornou titular após suspensão do goleiro Jaílson –, espalmou a bola em cima do zagueiro Vitor Hugo, e a bola sobrou para o atacante Copete empurrar para o fundo do gol.

Publicidade

Depois do gol, o time mandante recuou para manter o resultado. O Palmeiras, com pouca inspiração, abusou das jogadas aéreas e não conseguiu vencer o bloqueio santista.

Com a vitória, o Santos derrubou a invencibilidade palmeirense que durava desde a 18ª rodada do Brasileiro e ultrapassou o Atlético-MG, assumindo a terceira posição do campeonato, a seis pontos do líder.

Gabriel Jesus se despedirá do Palmeiras sem marcar gols em clássicos

O artilheiro palmeirense no campeonato – que irá deixar o clube paulista com destino a Manchester –, Gabriel Jesus disputou seu clássico de número 19 com a camisa alviverde sem ter marcado nenhum gol. Dos 19 confrontos, nove foram contra o adversário dessa noite.

Vale lembrar que o atacante não marca um gol no Brasileirão há oito rodadas, tendo balançado as redes pela última vez contra o Flamengo, na 25ª rodada. #Futebol