A derrota do Flamengo para o Inter, no último domingo, foi uma ducha de água fria para as pretensões rubro-negras no #Campeonato Brasileiro. Porém, logo após a partida, uma novidade pode ter animado os torcedores, já pensando em 2017: Vitinho, craque do Internacional e que fez um grande jogo, pode estar a caminho da Gávea.

Segundo o site GloboEsporte.com, o pai, Rinaldo Santos, e o empresário do atacante, Miguel Góes, participaram de um jantar com o presidente do Fla, Eduardo Bandeira de Mello e o diretor geral do clube, Fred Luz, em Porto Alegre. Nesta conversa, que ocorreu por volta das 21h de domingo, estava em pauta a ida do jogador para o #Flamengo.

Publicidade
Publicidade

A negociação, porém, é mais complicada do que parece. Não somente pelo fato de o Internacional, provavelmente, ter interesse em manter o jogador, que é um dos seus destaques no ano, mas também porque Vitinho não está somente por empréstimo na equipe gaúcha.

O passe do jogador pertence ao CSKA Moscou, com quem ele tem contrato até maio de 2020. Ou seja, seria preciso convencer o clube a emprestá-lo novamente no ano que vem, mas agora para o Flamengo, ou então fazer proposta para comprá-lo em definitivo - o que não deve ser nada barato.

Afinal, Vitinho tem apenas 23 anos e está emprestado ao Internacional desde janeiro de 2015. Neste período, ele já disputou 89 partidas e marcou 28 gols, sendo um dos grandes nomes do Colorado nas últimas temporadas. Com as boas atuações, certamente o seu valor de mercado subiu.

Publicidade

Vale lembrar que no começo deste ano o Internacional já suou para manter o jogador em Porto Alegre, porque os russos queriam levá-lo de volta para a Europa nesta temporada. Sendo assim, é difícil imaginar um cenário em que ele vá para o Flamengo por empréstimo no ano que vem. Maicosuel, do Galo, também estaria na lista do Fla.

Revelado para o #Futebol no Botafogo, grande rival do Flamengo, Vitinho já havia despertado o interesse do clube da Gávea em 2015, quando foi para o Inter. No entanto, o negócio não foi para a frente à época e ele acabou sendo emprestado mesmo para o Colorado.