O #Corinthians não está conseguindo jogar em alto nível nesta temporada. Após perder para o São Paulo por 4 a 0, os comandados de Oswaldo de Oliveira voltaram a campo na ultima quarta-feira (16), para enfrentar o Figueirense, no Orlando Scarpelli. Mais uma vez, a equipe paulista não fez uma boa partida e acabou empatando em 1 a 1.

O resultado final do jogo não agradou a torcida corintiana, que por sua vez, resolveu fazer um protesto no local onde os jogadores deixam o estádio para seguir viagem. Um empate fora de casa não um mau resultado, mas o que gerou uma certa desavença entre os torcedores foi o fato de o Corinthians sair na frente do marcador e ceder o empate no finalzinho do jogo.

Publicidade
Publicidade

Sendo assim, o placar também não agradou aos dirigentes corintianos.

A responsabilidade dos maus resultados estarem acontecendo é de Oswaldo de Oliveira, que comandou a equipe em seis partidas. Após o empate por 1 a 1, o treinador corintiano viu seu cargo ficar na corda bamba e pode ser demitido a qualquer momento. Vale lembrar que sua contratação é de total responsabilidade do presidente Roberto de Andrade, que resolveu bancar a chegada do treinador ao clube.

O presidente corintiano e o diretor de futebol Flávio Adauto, ressaltaram que Oswaldo ficará no comando técnico do Corinthians em 2017, porém, há controvérsias. O gerente alvinegro, Alessandro Nunes, afirmou em entrevista cedida à "Rádio Transamérica", que o futuro do técnico no Timão é incerto. Ainda de acordo com o cartola corintiano, o treinador é querido por todos, mas se os bons resultados não começarem a aparecer, ele deixará o comando técnico da equipe.

Publicidade

Vale lembrar que seu contrato com o Timão é válido até o final da próxima temporada, mas o mesmo não deve chegar ao fim.

Entretanto, a imprensa brasileira já começa a cogitar possíveis treinadores para comandar o Corinthians em 2017. No momento, o nome que está em pauta é Roger Machado, que decidiu deixar o Grêmio no decorrer do ano. O Fluminense também tem interesse na contratação do treinador, porém, nenhum clube conseguiu adquiri-lo. #Notícias do Corinthians #Futebol