Na manhã chuvosa deste sábado no Rio de Janeiro, o Fluminense realizou, no Centro de Treinamento Pedro Antônio, na Barra da Tijuca, a sua última atividade antes da viagem a Belo Horizonte, onde, no domingo, a partir das 17h (de Brasília), no Mineirão, encara o Cruzeiro pela 34ª rodada do #Campeonato Brasileiro. Com portões fechados aos jornalistas, os atletas, como de praxe na véspera das partidas, fizeram um trabalho recreativo e, apesar do jejum de cinco jogos sem vitórias na competição nacional, mostraram bastante descontração.

Recuperado de um estiramento na coxa esquerda, Diego Cavalieri participou normalmente do treinamento.

Publicidade
Publicidade

O goleiro, porém, está sendo preparado para o compromisso do feriado do dia 15 de novembro, no Maracanã, diante do Atlético-PR. Em compensação, o lateral-esquerdo William Matheus, que não esteve presente contra São Paulo, Coritiba e Vitória também por conta de lesão muscular, fica novamente à disposição e, inclusive, tem chances de retomar a titularidade no lugar de Giovanni. Suspenso pelo terceiro cartão amarelo, Pierre desfalca a equipe. A tendência é pela entrada de Édson, mas existe a possibilidade de Cícero, que vinha atuando como meia, formar dupla de volantes com Douglas e o time carioca vir com três atacantes: Wellington, Richarlison e Marcos Júnior. Em menor escala, Marquinho também tem chance de ser escalado logo de início. A definição só será conhecida momentos antes do clássico.

Publicidade

O duelo contra o Cruzeiro pode sacramentar o futuro de Levir Culpi. Em caso de derrota, o treinador, que assumiu no último mês de março, tem grandes chances de ser demitido, mesmo após o presidente Peter Siemsen, recentemente, ter concedido uma entrevista coletiva na qual assegurou que confia no trabalho do atual comandante.

Com 48 pontos e ocupando, no momento, o Fluminense luta para, pelo menos, ficar entre os seis melhores colocados do Brasileirão e assegurar uma vaga na próxima edição da Taça Libertadores da América. Lembrando que, se o Atlético-MG se sagrar campeão da Copa do Brasil, o G-6 da Série A tem grandes chances de virar G-7. #Fluminense #PaixãoPorFutebol