Depois de seis anos de sofrimentos e traumas, como duas eliminações no último segundo, o #Corinthians finalmente exorcizou o trauma das semifinais da Liga #Futsal. Nesta sexta-feira (25), jogando no ginásio do Wlalmir Marques (Parque São Jorge), em São Paulo, o Timão venceu a Assoeva por 5 a 2 e se classificou para a decisão, que será disputada em dois ou três jogos.

O outro finalista será conhecido no próximo domingo (27), quando a Copagril recebe o Magnus Futsal, às 11 horas, no ginásio Ney Braga, em Marechal Cândido Rondon. No jogo de ida, o time paranaense venceu os sorocabanos por 2 a 1 e agora só precisam de um empate para ir à decisão.

Publicidade
Publicidade

Já a equipe do craque Falcão terá que vencer no tempo normal para provocar a realização de uma prorrogação. Em caso de empate no tempo-extra, a vaga na decisão será definida nos pênaltis.

O jogo

Com o empate no jogo de ida em 1 a 1, quem vencesse o duelo estaria classificado para a grande final. E o Corinthians tomou a iniciativa, saindo na frente logo aos 4’ 37 com Leandro Caires. A Assoeva não se entregou e empatou aos 9’ 32 com Ygor, decretando o placar final da primeira etapa.

No segundo tempo o Corinthians voltou disposto a não deixar escapar a classificação e voltou a ficar na frente aos 6’12 com Vander Carioca, que precisou chutar duas vezes para desempatar. O primeiro chute acertou a trave, mas na volta o experiente jogador não desperdiçou, fazendo 2 a 1.

O terceiro gol veio aos 24’24, em um contra-ataque mortal.

Publicidade

Leandro Lino roubou a bola na quadra de defesa, tocou para Arthur, que por sua vez serviu Rocha para, praticamente dentro do gol, mandar a bola para o fundo das redes, deixando os alvinegros mais perto da tão sonhada final.

Com a desvantagem, o técnico Fernando Malafia optou por jogar com goleiro-linha, função desempenhada por Genaro. E ele levou perigo em um forte chute cruzado, que o goleiro Guitta espalmou de forma espetacular. Mas o camisa 91 corintiano nada pode fazer quando Thiaguinho marcou um golaço de letra aos 17 minutos.

A preensão dos torcedores durou apenas dois minutos. Leandro Lino ganhou a dividida pelo alto e a bola sobrou para Índio, que avançou em direção ao gol e soltou a bomba para colocar o Corinthians na decisão da #Liga Futsal. E ainda deu tempo para Leandro Caires roubar a bola em sua área de defesa, cruzar toda a quadra sem ser eliminado e, se fosse no futebol americano, marcar um touchdown, fechando o placar em 5 a 2. O fantasma está eliminado.

O primeiro jogo da final acontece no dia 5 de dezembro e o segundo no dia 12. A terceira partida, caso seja necessária, ainda não tem uma data definida.