Ao que parece, a passagem de Gum pelo #Fluminense deve estar perto do fim. Nesta sexta, veio a informação de que o zagueiro recebeu uma proposta do Trabzonspor, da Turquia e deve encerrar o seu ciclo com a camisa do Tricolor. A negociação gira em torno de R$ 3,5 milhões. A expectativa é de que tudo seja concluído até o final desse mês.

Recentemente, o Santos, que, em 2017, disputará a Taça Libertadores da América, também demonstrou interesse na sua aquisição, mas a tendência é de o futuro do zagueiro ser a Europa.

Natural de Lins, interior de São Paulo, Gum chegou ao Fluminense em agosto de 2009 depois de passar pelo Marília, onde foi revelado e Ponte Preta.

Publicidade
Publicidade

Naquele período, o time era dirigido por Renato Gaúcho e vivia um péssimo momento com um quase certo rebaixamento para a Série B do #Campeonato Brasileiro. Com a demissão do antigo treinador e a chegada de Cuca, houve a famosa reação, da qual o zagueiro conquistou a admiração pela sua disposição e gols importantes, feitos que lhe deram a alcunha de "Guerreiro". A redenção maior veio no ano seguinte, quando, junto com Leandro Euzébio, formou um sólido sistema defensivo, uma das qualidades daquele grupo que, liderado por Muricy Ramalho, conquistou aquele Brasileirão. Em 2012, já sob o comando de Abel Braga, teve nova temporada de destaque e, mais uma vez, levantou a taça do principal certame do futebol nacional.

No entanto, a partir de 2013, salvo raras ocasiões, entrou em uma fase de decadência e passou a ser bastante questionado tanto por pessoas de dentro do clube quanto pelos torcedores.

Publicidade

O ápice desse mau momento veio no atual Brasileiro, na partida contra o Atlético-PR, no Maracanã, quando, ao recuar uma bola, só não marcou um gol contra porque foi salvo pelo goleiro Júlio César, que defendeu com os pés.

Os indícios da saída de Gum são tão fortes que ele será reserva no confronto do Fluminense do próximo domingo, às 19h30 (de Brasília), no Orlando Scarpelli, em Florianópolis, diante do Figueirense, pela penúltima rodada do Brasileirão. Com 49 pontos, o Tricolor ocupa o 11º lugar e tem remotas chances de estar na Libertadores do ano que vem. #PaixãoPorFutebol