Os tempos mudam e deixam marcas na história. E no futebol não é diferente. Destacamos aqui a história do Atlético-MG no Campeonato Brasileiro. O #Galo entrou para a memória do futebol brasileiro ao conquistar o título do primeiro Campeonato Nacional de Clubes, no ano de 1971. A equipe dirigida pelo técnico Telê Santana contava com craques como Renato, Dario, Vantuir, Lola, entre outros. A glória é lembrada com euforia pelos torcedores até hoje, porém também marca uma dura realidade para o clube: este foi o primeiro e único campeonato brasileiro que o Atlético-MG venceu. E em 2016 não foi diferente. Com o empate no meio de semana com o Palmeiras, o time mineiro despediu-se matematicamente de qualquer chance de alcançar o título.

Publicidade
Publicidade

Assim, já se vão 45 anos de jejum.

Para agravar ainda mais a situação, o Alvinegro viu todos os outros grandes clubes brasileiros serem campeões nacionais, tornando-se assim o time mais anos na fila.

Até a honraria de ser o primeiro campeão nacional lhe foi tomada, pois a CBF em 2010 decidiu unificar os títulos da Taça Brasil e do Torneio Roberto Gomes Pedrosa/Taça de Prata aos títulos brasileiros disputados a partir de 1971. Sendo assim, o primeiro campeão brasileiro passou a ser o Bahia, em 1959.

Talvez a dor maior do atleticano é ver que o Cruzeiro, seu maior rival, soma quatro campeonatos brasileiros no total (1966, 2003, 2013 e 2014).

Outras conquistas

O que alivia a tensão pela necessidade do título nacional por parte do Galo são as recentes conquistas de torneios tão ou mais importantes que o Brasileirão.

Publicidade

Nestes 45 anos, o Atlético faturou a Libertadores da América de 2013, a Recopa de 2013 e a Copa do Brasil de 2014. Agora pode repetir a dose na Copa do Brasil, já que está na grande final contra o Grêmio.

Filas internacionais

Em comparação aos principais campeonatos nacional disputados pelo mundo, os clubes que estão na fila por mais tempo que o Galo são:

Betis, da Espanha, com 81 anos,

Sevilla, da Espanha, com 70 anos,

Schalke 04, da Alemanha, com 58 anos,

Tottenham, da Inglaterra, com 55 anos,

Fiorentina, da Itália, com 47 anos.

Times brasileiros na fila

Atualmente, cinco outras equipes brasileiras têm enfrentado décadas de seca sem o título nacional:

  • Internacional, com 37 anos;
  • Sport, com 29 anos*;
  • Bahia, com 28 anos;
  • Botafogo, com 21 anos;
  • Grêmio, com 20 anos.

Nesta lista, foram considerados apenas os times que não têm mais chances matemáticas de chegar ao título do Brasileirão de 2016.

*Dados oficiais da CBF. #Atletico-MG #FutebolBrasileiro