Após perderem os jogos de ida das semifinais da Copa do Brasil, Internacional e #Cruzeiro, se quiserem se classificar para a decisão, terão que fazer o que apenas o Santo André conseguiu em 2004. Na ocasião, o time do ABC Paulista foi derrotado pelo XV de Campo Bom (RS) em casa, mas conseguiu levar a vaga para a final ao derrotar os gaúchos no Sul.

Antes, nenhum time que tivesse  perdido o primeiro jogo da semifinal na condição de mandante, seja por qualquer placar, havia conseguido reverter a desvantagem em campo adversário. E um personagem de 2004 tentará, nesta quarta-feira (2), ter final diferente de 12 anos atrás.

Então desconhecido no cenário nacional, o técnico Mano Menezes dirigia o time gaúcho, que havia deixado pelo caminho o Vasco logo na segunda fase, com direito a uma vitória por 3 a 0, e chegou às semifinais após ter passado também por Portuguesa Santista, Americano e Palmas.

Publicidade
Publicidade

O adversário era o Santo André, que também de forma surpreendente tirou o Atlético Mineiro na segunda fase e o Palmeiras nas quartas de finais.

Surpreendente caminhada do Santo André em 2004

No jogo de ida, disputado no Pacaembu, a equipe de Mano Menezes mostrava que faria mais uma vítima depois de ter derrotado os paulistas, do não menos desconhecido Péricles Chamusca, por 4 a 3. Até então, nenhum time que havia vencido fora de casa o primeiro jogo semifinal havia sido eliminado. Mas tabus foram feitos para sequem quebrados.

E foi o que aconteceu na noite de 9 de junho, no estádio Sady Schmidt, em Campo Bom, quando o Ramalhão surpreendeu, vencendo a partida por 3 a 1 e se classificando para a final contra o Flamengo, onde algumas semanas depois calaria o Maracanã e protagonizaria uma das maiores zebras da década passada.

Publicidade

Mano Menezes se encontra com sua história

Para Mano Menezes aprontar em cima de Renato Gaúcho o que foi vítima em 2004, o Cruzeiro terá que vencer o Grêmio, às 21h45, na Arena do Grêmio, por diferença de 2 gols, com placar a partir de 3 a 1. Se repetir o escore da ida, 2 a 0, a decisão irá para os pênaltis.

No mesmo horário, no estádio Independência, o Internacional visita o Atlético Mineiro precisando vencer por 1 gol de diferença a partir de vitória por 3 a 1. Vitória por 1 a 0 dá a classificação ao Galo pelo gol marcado fora de casa e 2 a 1 leva a disputa para os pênaltis. #Inter #Copa do Brasil