Antes que assumisse o comando técnico da #Seleção Brasileira de Futebol Profissional. o técnico Tite já era uma unanimidade pelo brilhante trabalho que realizou no Corinthians em duas oportunidades. Passados alguns meses e bons resultados da Seleção Canarinho, principalmente nas partidas das Eliminatórias da Copa do Mundo, o talento do treinador brasileiro só se confirmou.

Mas essa qualidade e competência tem um preço, e de acordo com o jornal inglês Daily Mail, não é pouco. Conforme a publicação britânica o treinador da Seleção Brasileira recebe um salário em torno de 2,5 milhões de libras esterlinas por ano ou 10, 5 milhões de reais anuais.

Publicidade
Publicidade

Na moeda brasileira isso representa uma remuneração mensal de 870 mil reais por mês. Recentemente quando questionado pela Revista Veja sobre seu salário como técnico da Seleção Brasileira, #Tite preferiu não se manifestar, mas admitiu que era um valor bastante alto.

O técnico brasileiro conquistou essa posição de destaque entre os treinadores mais bem pagos do mundo após o inglês Sam Allardyce, o Big Sam, ter sido demitido do cargo de treinador da seleção inglesa após ser acusado de corrupção. O ex-técnico inglês era o primeiro colocado no ranking com um salário astronômico de 1 milhão de reais mensais. A publicação inglesa revela que líder da seleta lista dos técnicos mais bem pagos do mundo é o treinador da Seleção Turca, Fatih Terim com um salário de 940 mil reais mensais ou 2,7 milhões de libras anuais.

Publicidade

Questionado sobre os altos salários dos técnicos de futebol, Tite concordou que os valores estão em desacordo com a realidade financeira que vive o Brasil, mas argumentou que de certa forma isso compensa tudo que passou por atingir esse patamar. Embora esses salários dos treinadores possam parecer absurdos para as maioria dos brasileiros, se referem apenas a técnicos de seleções nacionais, pois existem comandantes de clubes de futebol que recebem valores bem maiores. Pep Guardiola do Manchester City, por exemplo, tem um salário superior a 5 milhões de reais mensais que o coloca na liderança isolada do ranking dos técnicos mais bem pagos do mundo tanto em clube quando nas seleções nacionais. #Resenha Esportiva