Boa notícia envolvendo um dos #Sobreviventes do acidente com o avião da #Chapecoense que vitimou 71 pessoas na terça-feira (29), na Colômbia. O lateral do time, #Alan Ruschel, deixou na tarde desta quarta-feira a Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e já está andando. Veja o vídeo abaixo:

A ótima notícia foi divulgada pela Amanda, irmã do jogador, em sua rede social. Segundo Amanda, Alan já está comendo sozinho, está caminhando sem a ajuda de terceiros, já toma banho sozinho e está se comunicando muito bem.

Amanda relata que estão todos imensamente felizes com a recuperação astronômica e surpreendente do jogador. Ela agradeceu as orações e carinho que as pessoas estão enviando e as bênçãos recebidas de Deus.

Publicidade
Publicidade

De acordo com Amanda, eles estão aguardando a definição de quando ele voltará ao Brasil. A jovem também pede uma corrente de oração pelos jogadores Neto e Follmann, que se encontram em situação delicada de recuperação.

O médico da Chapecoense, Edson Stakonski, que acompanha os jogadores na Colômbia, relatou que é preciso cautela antes de enviá-lo de volta ao Brasil.

Segundo ele, o caso mais delicado é do zagueiro Neto, que ainda está entubado, sedado e em situação crítica na UTI. Os médicos já identificaram a bactéria que estava causando pneumonia no mesmo e estão trabalhando para combatê-la. Ele passará por uma cirurgia em uma ferida na perna esquerda. Qualquer melhora ou não piora no caso dele, já é motivo para se comemorar.

O goleiro Jackson Follmann, que teve 15 cm da perna direita amputada logo que foi resgatado do acidente, teve que ser entubado e sedado novamente e passará por uma nova amputação em uma parte do membro amputado, devido a uma parte necrosada no osso.

Publicidade

O jornalista Rafael Henzel segue em boa recuperação. Ele está acordado e sentando. Rafael já mandou recados e fotos com sua esposa em suas redes sociais, agradecendo ao apoio e oração de todos e também comemorando por ter sobrevivido e pelos oito dias de vida na Colômbia. Ele continua em tratamento para a pneumonia que pegou e será submetido a uma cirurgia em seu pé direito, para recolocação dos dedos no lugar.