O que a princípio é uma notícia bastante triste, tem também o seu aspecto de esperança, motivação e luta pelo bem mais precioso de qualquer ser humano, que é o dom da vida. Trata-se da história comovente do atacante de #Futebol brasileiro, Silas Brindeiro, de 29 anos, que já atuou em vários clubes nacionais, tais como: Brasiliense, Náutico, Guarani, Cuiabá e Capivariano, que está vivendo atualmente aquela, que sem sombra de dúvidas é a disputa mais importante de todas, ou seja, Brindeiro está “jogando” pela sua vida, uma vez que o mesmo está internado sob o diagnóstico de leucemia e corre contra o tempo para obter um doador que tenha medula óssea compatível com a dele.

Publicidade
Publicidade

Por dois anos, o jogador atravessa esse momento crítico contra a #Doença, que foi diagnosticada enquanto o atleta se submetia aos exames para a pré-temporada pelo Capivariano. A doença, a princípio, até retrocedeu; todavia, no mês passado, lamentavelmente, mais uma vez o câncer surgiu.

Silas relatou com preocupação ao portal “Futebol Interior”, que ele se encontra internado no interior de São Paulo, mais especificamente em Piracicaba e está “desesperado para conseguir ajuda. A doença voltou com tudo”. Mesmo com o jogador fazendo as sessões de quimioterapia com regularidade, isso é só um paliativo, pois a solução de cura definitiva é encontrar uma pessoa que possa ser a tão desejada doadora de medula para que ele possa continuar vivo.

De acordo com esclarecimentos do INCA - Instituto Nacional do Câncer - a característica principal da leucemia é que se trata de patologia de caráter maligno atingindo os leucócitos (glóbulos brancos) sem causa conhecida pela ciência.

Publicidade

A partir desse estágio, as células blásticas ou mais jovens anormais existentes na medula óssea, acabam tomando o lugar e as funções das células normais do sangue.

Vale frisar que a medula preenche cavidades ósseas, destacando-se o esterno e a bacia e é justamente onde se formam as células sanguíneas. Resumindo, é na medula que estão as células precursoras ou mães dos componentes do sangue como os glóbulos brancos, glóbulos vermelhos e plaquetas.

A pessoa acometida pela leucemia sofre geralmente de anemias severas, infecções oportunistas e também hemorragias. A doença se caracteriza também por se desenvolver rapidamente, obrigando, assim, que o tratamento tenha de ser iniciado tão logo o diagnóstico preciso do tipo da leucemia seja feito. #Hospital