Após um trágico ano de 2016, a torcida corintiana pode ter uma injeção de positivismo para acreditar que o ano que se aproxima pode ser melhor. Na noite deste domingo (25), uma rádio peruana colocou no ar uma notícia dizendo que o atacante Farfán, da seleção do Peru, já estaria acertado com o clube do #Corinthians, apenas faltando a assinatura do contrato. Nenhum dirigente do Tmão ainda se pronunciou sobre o assunto.

O jogador, que no momento está sem clube, já teve passagens por clubes do #Futebol holandês e alemão. No começo da janela, o atacante chegou a ser sondado por equipes como o Grêmio, Flamengo e Palmeiras, porém em nenhum dos casos a negociação teve continuação e sucesso.

Publicidade
Publicidade

Há uma rádio do próprio pais, Farfán chegou a comentar a situação após ser questionado sobre o tempo que está sem atuar: "Nos próximos dias todos saberão o meu futuro. Estou trabalhando por conta própria e me sinto em forma para entrar em campo".

Até o momento, os únicos confirmados pela diretoria corintiana para a temporada de 2017 são os atacantes Jô, ex Atlético Mineiro e formado na base do próprio Corinthians, e Luidy, revelação do CRB.

Na história recente do Corinthians, outro peruano de grande nome fez sucesso com a camisa alvinegra, o centro avante Paolo Guerrero, que agora está atuando no Flamengo. Este seria um dos motivos pelo qual o jogador teria recusado propostas de Grêmio e Palmeiras, a grande referência que a torcida corintiana tem com jogadores do país.

O ataque do Corinthians foi um ponto de fraqueza na temporada que se passou.

Publicidade

Desde a saída de Vagner Love, após o titulo do Campeonato Brasileiro de 2015, a equipe não teve mais nenhum jogador de referência para o ataque desde então. Alguns jogadores, como o paraguaio Ángel Romero, foram uma das esperanças corintiana, porém o jogador não conseguiu ter uma sequência de bons jogos.

O atacante Farfán chega ao Brasil na próxima semana e pode ser anunciado no clube paulista ainda neste ano. O Corinthians retoma os treinamentos na segunda semana de janeiro. #Timão