O #Corinthians corre contra o tempo para se reforçar para 2017. Antes de iniciar a temporada, a diretoria pretende trazer alguns #Reforços de mais nome para dar qualidade ao elenco alvinegro. A nova sugestão que surgiu nos bastidores do clube é a de Nenê, meio-campista do Vasco.

Para conseguir contratá-lo, o Timão se utiliza do discurso do próprio atleta, que manifestou recentemente o desejo de morar mais perto dos filhos, que moram com a mão em Jundiaí, em São Paulo, cidade que fica a alguns quilômetros da capital.

Negociação

Quem deu o primeiro passo para iniciar uma negociação foi Andrés Sanchez, que tomou a iniciativa e entrou em contato com Eurico Mirando, presidente do clube carioca.

Publicidade
Publicidade

Daqui pra frente, o responsável pelo andamento das conversas será o diretor de futebol alvinegro Flávio Adauto.

Aos 35 anos de idade, Nenê é um nome que agrada a comissão técnica do Corinthians. Além da experiência e qualidade dentro de campo, é um jogador que falta no elenco para fazer com que a bola chegue nos atacantes. Apesar da especulação criada, o camisa 10 divulgou uma mensagem afirmando que não está negociando com nenhuma equipe no momento. Ele ainda ressaltou que tem vínculo com o cruzmaltino até 2018.

Nenê prosseguindo na mensagem e concluiu dizendo que, se alguma proposta chegar ao Vasco, a diretoria terá total liberdade para decidir o que for melhor para o futuro do clube. No entanto, ninguém comentou sobre a possibilidade de ele ser transferido para o Corinthians na temporada seguinte.

Publicidade

Vale lembrar que Corinthians e Vasco não disputarão a Libertadores de 2017 e, sem dinheiro no caixa, não podem fazer grandes investimentos. O clube do Parque São Jorge, contudo, aposta em Nenê uma vez que pode perder algumas peças do meio-campo.

Isso porque Marquinhos Gabriel está sendo especulado para retornar ao Santos. Rodriguinho foi sondado por outras equipes e até mesmo na China, enquanto Marlone define se vai para o Atlético-MG ou permanece no clube. Até aqui, o Corinthians contratou pouco e trouxe Jô, Luidy e, por último, Kazim.