As contratações do #Corinthians para 2017 prometem agitar o mercado da bola de forma radical, já que a diretoria corintiana deixou bem claro que a próxima temporada vai ser bem diferente da atual. Isso porque o Timão não conseguiu alavancar no decorrer do ano e consequentemente os bons resultados não apareceram. Porém, o ano de 2016 não está totalmente perdido para o clube de Parque São Jorge, já que uma vaga para a Libertadores ainda pode vir a acontecer.

O Corinthians ainda luta para ficar entre os seis primeiros colocados deste Campeonato Brasileiro e assim garantir uma vaga para disputar a Pré-libertadores. Para isso acontecer, o Timão terá que vencer o Cruzeiro fora de casa e torcer para que Botafogo ou Atlético-PR não vençam.

Publicidade
Publicidade

O clube carioca, por sua vez, enfrentará o Grêmio fora de seus domínios. Já o Atlético-PR recebe o até então vice-líder Flamengo, na Arena da Baixada.

Os contratados do Timão para a próxima temporada não agradam a torcida alvinegra. Até o momento, o clube só acertou as contratações dos atacantes Jô e Luidy. Mas de acordo com o novo diretor de #Futebol corintiano, Flávio Adauto, reforços de peso chegarão para a equipe no decorrer da abertura da janela de transferências do mercadão da bola. Vale lembrar que o presidente Roberto de Andrade já informou que o Timão não tem muito dinheiro nos cofres, sendo assim, jogadores considerados caros não serão contratados.

Corinthians avança em mais uma contratação

Com o mercado em alta, o Timão quer acertar com novos reforços de forma antecipada. Após demostrar interesse no volante Rithely, do Sport, o Corinthians quer contratar o também volante Alan Santos, do Coritiba.

Publicidade

De acordo com o portal "Uol Esportes", ambas as equipes já conversam sobre a situação do jogador de 25 anos. Entretanto, o negócio pode se concretizar em poucos dias, já que os cartolas corintianos acreditam que o Coritiba não tem muita força para travar o acerto.

Há quase um mês, Alan Santos começou a ser observado de forma mais eficaz por parte da alta cúpula alvinegra. O técnico Oswaldo de Oliveira deu aval para um possível acerto, já que ambos trabalharam juntos no Santos, em 2014. O Corinthians não descartou o negócio, pois sua chegada serviria para acirrar a disputa com Maycon e Marciel por uma vaga entre os titulares. #Negócios