O futebol nacional está parado devido à tragédia da Chapecoense, mas, no mundo, a bola e as homenagens ao time brasileiro continuam a rolar. E na Inglaterra teve mais uma rodada emocionante com grandes jogos.

Que o campeonato inglês é o melhor e mais competitivo da Europa, isso já é sabido há muito tempo. Mas a expectativa para essa temporada era ainda maior, pois dois dos grandes técnicos do mundo começariam a trabalhar na Inglaterra e se imaginava que brigariam pelo título pelos dois times de Manchester: United e City.

Por enquanto, José Mourinho e Guardiola, principalmente o português do United, têm decepcionado e visto um técnico menos badalado, que também chegou essa temporada, chamando mais a atenção e se destacando: trata-se do italiano, Antonio Conte.

Publicidade
Publicidade

O italiano lidera o campeonato no comando do #Chelsea com 34 pontos depois de vencer a equipe de #Guardiola por 3 a 1. Os "azuis" de Londres são seguidos por Arsenal e Liverpool, respectivamente. Os times de Manchester estão apenas em quarto(City) e sexto(United).

Conte chegou ao clube de Londres depois de anos no comando da seleção italiana e de uma boa campanha na Eurocopa comandando a Azurra quando foi eliminado nos pênaltis pela atual campeã do mundo, Alemanha. Os italianos jogaram melhor, mereceram vencer mas não conseguiram.

Ele mudou a cara do futebol da seleção que sempre se caracterizou por um futebol competitivo, porém pragmático e feio. Tornou os italianos mais ofensivos mas não perdeu a consistência defensiva que sempre foi característica da Itália. E isso se reflete no Chelsea também.

Publicidade

O Chelsea tem a melhor defesa do campeonato ficando sem tomar gol por 6 rodadas seguidas num campeonato forte como o inglês. Além disso, o time tem o terceiro melhor ataque com 3 gols a menos que o Arsenal, que lidera nesse quesito com 35 gols e é o segundo no campeonato.

Vamos esperar e ver se o Chelsea mantém o grande nível de jogo que vem mostrando e se as equipes de Guardiola e Mourinho reagem na competição. Principalmente o United que é a grande decepção do torneio, até o momento.

Com menos mídia e bem menos badalado, Conte é a sensação na #premier league que ainda tem Arsene Wenger e Jurgen Klopp.

Na terra de José e Pep, quem manda, pelo menos por enquanto, é Antonio Conte.