Depois de muitos dias que ficou hospitalizado se recuperando do grande trauma que sofreu em sua vida e algumas cirurgias que teve que enfrentar devido ao desastre de #avião, Alan Ruschel, lateral esquerdo do time da Chapecoense, já esta em casa com sua esposa e passa bem.

Muito emocionado e com dor no coração pela perda de seus amigos, Alan falou pela primeira vez em uma coletiva sobre tudo que aconteceu.

O lateral afirmou que foi Deus quem tirou ele do avião e que é um #milagre poder estar andando novamente.Um dos motivos de estar vivo é que Deus falou para ele que teria mais uma missão na terra e que não tinha chegado a sua hora, segundo sua declaração durante a entrevista coletiva na Arena Condá, estádio da Chapecoense.

Publicidade
Publicidade

.

Emocionado, o jogador falou que sua ficha caiu depois de muito tempo, e que a primeira lembrança que veio a sua mente foi da esposa, Marina, conversando com ele no hospital enquanto esteve internado na Colômbia.

Um dos fatos que o jogador acha ser o motivo que fez ele ficar vivo foi que o seu amigo de clube, Cadu, acabou fazendo um pedido que acabou mudando toda a sua trajetória de vida. Cadu pediu que Alan pudesse trocar de lugar com um dos jornalistas que estava acompanhando o time para a cidade de Medelin, onde iriam enfrentar o Atlético Nacional pela final da Sul-Americana.

Alan disse que realmente é um milagre surreal estar andando e que pode até voltar a jogar futebol novamente dentro de 6 meses.

História

Associação Chapecoense de Futebol foi fundada em 1973, em Santa Catarina, com intuito de restaurar o futebol na cidade de Chapecó.

Publicidade

O time acabou ganhando muito carinho e admiração do povo brasileiro em 2013, quando conseguiu chegar a série A em tão pouco tempo, isso nunca aconteceu na história do futebol.

Depois que o time saiu da série D e pulou para a série A, a Chapecoense foi conquistando cada vez mais vitórias. O time conquistou cinco títulos estaduais e foi campeão da Copa Santa Catarina.

Depois de dias de muitas tristezas, o time da Chapecoense foi declarado oficialmente campeã da Copa Sul-Americana de 2016.

#Acidente