O Benfica está preparado para vender Ederson nas próximas semanas, tendo já preparado a sua saída com o seu sucessor: o jovem português Joel Pereira, que tem brilhado ao serviço do Belenenses. Tal como informa o site do jornal “A Bola”, o goleiro brasileiro é alvo preferencial de clubes como o Barcelona e o Manchester City, sendo que pode ser uma questão de tempo até que Ederson deixe a sua titularidade disponível. Como o Benfica está nesse momento negociando com o Manchester United, detentor dos direitos de Joel Pereira, o negócio de Lindelof, tudo indica que vai existir uma troca de jogadores entre os dois clubes.

Tal como aconteceu no ano passado, o Benfica está trabalhando nas contratações para conseguir substituir as suas principais estrelas, visto que praticamente todas elas acabam sendo contratadas pelos grandes clubes europeus.

Publicidade
Publicidade

Depois de Gaitán e Renato Sanches, agora é a vez de Lindelof e Ederson estarem muito próximos de abandonar o clube português, que já está trabalhando para os substituir.

Se no caso do zagueiro sueco o seu sucessor ainda não foi escolhido, a verdade é que o Benfica já encontrou alguém para substituir Ederson, dando a entender que o lendário goleiro brasileiro Júlio Cesar já não conta para os planos do técnico Rui Vitória. Como garante o jornal esportivo “A Bola”, o fato de Joel Pereira estar conseguindo demonstrar todo o seu talento no Campeonato português, apenas com 20 anos, faz com que o interesse do líder seja enorme. De recordar que a contratação de Ederson, que agora deverá ser vendido para o Barcelona ou o City, também foi praticamente igual a este negócio.

Nas redes sociais, muitos benfiquistas garantem estar arrepiados com a saída quase certa do goleiro Ederson, mas também demonstrar estar felizes por saberem que a direção do Benfica já encontrou um jovem de classe mundial que possa substituir imediatamente o goleiro brasileiro.

Publicidade

Com a chegada de janeiro, e a abertura do mercado de transferências europeu, os #Negócios vão começar sendo oficializados, sendo que o Benfica pode ser novamente um dos clubes europeus que mais vai faturar durante esse período. #Futebol Internacional