O time do #Vasco da Gama começa a semana se movimentando no Mercado da Bola, e o novo alvo do Cruzmaltino pertence ao Atlético Mineiro. O nome da vez é o do meio de campo Dátolo, que não vem sendo constantemente aproveitado pelo Galo, e não terá o seu contrato renovado para 2017.

Sabendo da situação do jogador argentino, a diretoria do Vasco começa a se movimentar em busca do jogador, que conta com o aval do técnico Cristóvão Borges. Para o técnico da equipe carioca, o meia preenche os requisitos para atuar pelo time da colina, já que é um jogador de técnica apurada e experiente, e poderá revezar as criações de jogadas com Nenê, craque do Vasco.

Publicidade
Publicidade

O novo gerente de #Futebol, Anderson Barros, admite interesse no jogador, mas também afirma que o Vasco não fará nenhuma “loucura” financeira para contratar, já que o clube ainda está passando por dificuldades financeiras. Anderson também afirmou que o clube procurou o jogador Diego Souza, que atualmente defende o Sport, mas confirmou que o clube não fará nenhuma investida a mais pelo jogador, já que o mesmo afirmou que só sairia do Sport por uma grande proposta do exterior.

Atacante Riascos se aproxima do clube, e novas saídas são confirmadas

Poucas vezes no mundo do futebol um jogador quis atuar tanto em um clube que o deseja ao mesmo tempo. Esse é o caso envolvendo o atacante Riascos e o Vasco da Gama. Ambas as partes querem chegar a um acordo e oficializar o vinculo contratual, mas a forma que o jogador saiu litigiosamente do Cruzeiro, preocupa o Gigante da Colina.

Publicidade

Para a diretoria do Vasco, existe a possibilidade do Cruzeiro reaver os direitos sobre o jogador e prejudicar o clube no futuro. Riascos tem em sua posse um documento que o libera para atuar em qualquer time do mundo, mas o ofício tem teor provisório, o que abre possibilidades futuras do time mineiro reaver os direitos sobre o atacante, prejudicando assim o clube que o contratar.

Por sua parte, o Vasco da Gama quer acertar a situação com o atacante ainda em 2016, já que o clube conta, em definitivo, apenas com três atacantes para 2017, são eles: Thalles, Eder luís e Caio Monteiro. As situações de Jorge Henrique, Junior Dutra e Ederson seguem indefinidas, uma vez que a diretoria não se agradou com a queda de rendimento desses jogadores. Ederson e Junior Dutra têm contratos curtos. Já Jorge Henrique tem contrato até o final de 2017, mas será emprestado a outro clube, já que não faz parte dos planos da nova comissão técnica.

Anderson Barros confirmou mais uma saída, dessa vez a do atacante Yago, que retornou de empréstimo do clube Minnesota United, que disputa a MLS, e está indo defender o Macaé. #Mercadodabola