Blake Griffin sofreu mais uma lesão e deve ficar fora de ação entre três e seis semanas. O joelho direito do ala-pivô já estava incomodando há alguns jogos e uma cirurgia será necessária. O técnico Doc Rivers negou que o problema tenha ocorrido na derrota para o Golden State Warriors, no dia 7. Segundo o head coach, o problema aconteceu de forma gradual e natural.

A informação foi divulgada pelo renomado jornalista Adrian Wojnarowski em seu podcast no The Vertical. Menos mal para os Clippers que esse não é o mesmo joelho que tirou Griffin de toda a sua temporada de calouro, em 2009. Porém, a preocupação com a saúde do camisa 32 procede, já que é sua terceira lesão em menos de um ano.

Publicidade
Publicidade

Em janeiro do ano passado, Blake quebrou a mão numa briga com um assistente do Los Angeles Clippers e ficou de fora por três meses. Após jogar apenas 35 dos 82 jogos da temporada regular, Griffin agravou uma lesão na coxa e perdeu os jogos finais dos playoffs. Além disso, o power-forward também ficou de fora dos Jogos Olímpicos de Londres, em 2012, também por problemas no joelho.

Clippers na descendente

O Los Angeles Clippers surpreende com sua campanha geral até agora em 2016. A franquia treinada por Doc Rivers acumula 20 vitórias e apenas oito derrotas, ocupando o quarto lugar na Conferência Oeste. Atrás apenas de Golden State Warriors (24-4), San Antonio Spurs (22-5) e Houston Rockets (21-7).

O desempenho nas últimas dez partidas, porém, não é tão bom assim. Os Clippers acumulam 6-4 nessas contendas, o que lhe daria apenas a oitava posição na própria Conferência Oeste.

Publicidade

Os Rockets, por exemplo, ganharam todos os últimos dez confrontos.

Considerando ainda que a equipe começou a temporada vencendo 14 dos primeiros 16 jogos, o desempenho recente se torna apenas razoável com um 6-6. O que preocupa ainda mais o clima em Los Angeles, já que Griffin deve perder, pelo menos, uns 15 compromissos do LAC.

Números de Griffin

Blake Griffin fez 26 jogos na atual temporada da #NBA. O power-forward acumula médias por jogo de 21.2 pontos, 8.8 rebotes, 4.7 assistências em 33.7 minutos em quadra. O aproveitamento nos arremessos é 48%, sendo 22,7% nas bolas de três pontos e 74.9% nos lances-livre. #Esporte #Basquete