O Benfica conseguiu fechar o negócio do jogador Lindelof com o Manchester United, sendo que a oficialização do negócio apenas deverá ocorrer nos próximos dias. Tal como informa o jornal “Record”, em uma visita rápida a Londres, Vieira negociou presencialmente com alguns dos responsáveis pelo clube inglês, tendo chegado a um acordo que vai permitir o Benfica arrecadar cerca de 45 milhões de euros, uma verba que entra diretamente no topo dos maiores #Negócios do futebol português.

Atravessando uma fase muito complicada na Liga inglesa, onde inicialmente era um dos grandes favoritos ao título, o Manchester United de José Mourinho já está concentrando suas forças para a reabertura de mercado no próximo dia 1º de janeiro.

Publicidade
Publicidade

Se são previsíveis algumas saídas no próximo mês, a verdade é que muitas entradas também vão acontecer, todas com o objetivo de reforçar e melhorar o plantel do time inglês.

Uma das grandes prioridades de Mourinho sempre foi o zagueiro sueco do Benfica, o jovem Lindelof, que tem conseguido demonstrar todo o seu talento no Campeonato Português, bem como na sua seleção sueca. Porém, tal como já tinha acontecido no passado, o Benfica apenas cede um dos seus titulares por um preço que considera justo. Por isso mesmo, após as negociações com o time inglês, ambas as partes fecharam o acordo na ordem dos 45 milhões de euros, permitindo dessa forma que o jogador sueco possa ir imediatamente para Inglaterra já nos primeiros dias de janeiro, como garante o site do jornal “Record”.

Nas redes sociais, muitos portugueses, sobretudo torcedores dos times rivais, revelaram estar em choque pela enorme quantidade de dinheiro que o Benfica conseguiu arrecadar por Lindelof, que, há cerca de dois anos, era completamente desconhecido no mundo do futebol internacional.

Publicidade

Resta agora apenas aguardar pela oficialização de todo o negócio, tornando dessa forma oficial o maior negócio da temporada no futebol português, que vai permitir que o Benfica consiga ter ainda mais dinheiro para contratar jovens talentos, incluindo brasileiros. #Futebol Internacional