Após uma temporada ruim, em que brigou para não ser rebaixado no Campeonato Brasileiro, o #São Paulo está em busca de tempos melhores em 2017. Após anunciar o acerto com Neílton, no início da tarde de hoje, o clube se aproxima de um acordo com #Ricardo Goulart, atualmente jogador do Guanghzou Evergrande, da China. A negociação foi confirmada pela Europe Sports Group, empresa responsável pela carreira do jogador, em conversa com o canal por assinatura Esporte Interativo. Por outro lado, o dirigente do tricolor Marco Aurélio Cunha, afirmou ao mesmo canal que não sabe nada a respeito de tal negociação.

Destaque no Brasil e na China

Ricardo Goulart começou a ganhar boa visibilidade no cenário nacional durante sua passagem pelo Goiás.

Publicidade
Publicidade

As boas atuações fizeram o jogador ser contratado pelo Cruzeiro, clube pelo qual foi bicampeão brasileiro nas temporadas de 2013 e 2014 sob o comando de Marcelo Oliveira. Com muita regularidade, boas jogadas e belos gols, o meia-atacante disputou a artilharia da competição nacional e chegou a ser convocado por Dunga para Seleção Brasileira. A dobradinha com Éverton Ribeiro foi um dos pontos altos da equipe celeste nas conquistas naqueles anos. Em janeiro de 2015, acertou sua transferência para o Guanghzou Evergrande e, logo na sua primeira temporada, foi campeão chinês, artilheiro do time na competição e eleito o melhor jogador da temporada.

O retorno de Goulart ao Brasil pode ser uma estratégia para o jogador buscar uma nova oportunidade na Seleção Brasileira, agora sob o comando de Tite, e pensar em disputar a Copa do Mundo de 2018.

Publicidade

São Paulo aposta em mudanças

A contratação de Ricardo Goulart pode ser mais um pedido do novo treinador do São Paulo, Rogério Ceni. O ídolo tricolor pretende implantar sua filosofia de trabalho e colocar em prática as experiências vividas na Europa durante o período de aprendizagem em 2016. Caso a negociação seja concretizada, o jogador será a quarta contratação do clube do Morumbi para temporada do ano que vem. Antes de Goulart, o goleiro Sidão (ex-Botafogo) e os atacantes Wellington Nem e Neílton já haviam sido confirmados pela diretoria. Nomes como de Cícero e Nenê também foram especulados. #Neilton