O Ultimate Fighting Championship conheceu o seu novo campeão na madrugada deste domingo (11/12). O havaiano Max Holloway derrotou Anthony Pettis por nocaute na reta final do terceiro assalto e faturou o título interino dos penas. A luta foi válida pelo #UFC 206, realizado em Toronto, no Canadá.

O duelo pelo cinturão interino teve que ser agendado devido à saída de Conor McGregor da divisão, pois o irlandês conquistou o título dos leves e decidiu ficar na categoria superior. Assim, José Aldo foi elevado à condição de campeão linear dos penas, tendo que enfrentar o vencedor da luta principal do UFC 206 para a unificação dos cinturões.

Publicidade
Publicidade

No octógono, o Holloway mostrou uma boa variação de golpes durante o primeiro assalto. No segundo, o havaiano foi ainda mais superior e levou Pettis ao knockdown.

Holloway conseguiu uma queda no terceiro round, mas não estabilizou a posição. Na reta final do assalto, o havaiano mandou um chute rodado na linha de cintura do oponente. Pettis ficou encolhido nas grades e levou vários golpes, obrigando o árbitro a decretar o nocaute.

Após a vitória, Holloway desafiou José Aldo e sugeriu uma data para o duelo. Para o havaiano, o palco ideal seria o UFC 208, marcado para o dia 11 de fevereiro, no Brooklyn (EUA).

Destaques

No co-main event da noite, Donald Cerrone aplicou um chute na cabeça de Matt Brown e venceu o duelo por nocaute durante o terceiro assalto. Foi a quarta vitória seguida desde que o "Cowboy" estreou na categoria dos meio-médios.

Publicidade

A única representante do Brasil foi Viviane "Sucuri" Pereira, que derrotou a canadense Valerie Létorneau por decisão dividida do júri. Dois jurados deram 29-28 para a brasileira, enquanto a lutadora da casa teve o reconhecimento de apenas um integrante da mesa.

Resultados

Card principal

  • Max Holloway venceu Anthony Pettis, por nocaute técnico;
  • Donald Cerrone venceu Matt Brown, por nocaute;
  • Cub Swanson venceu Doo Ho Choi, por decisão do júri;
  • Kelvin Gastelum venceu Tim Kennedy, por nocaute técnico;
  • Emil Meek venceu Jordan Mein, por decisão do júri.

Card preliminar #Esportes #MMA

  • Misha Cirkunov venceu Nikita Krylov, por finalização;
  • Olivier Aubin-Mercier venceu Drew Dober, por finalização;
  • Viviane Sucuri venceu Valerie Letourneau, por decisão do júri;
  • Matthew Lopez venceu Mitch Gagnon, por decisão do júri;
  • Lando Vannata venceu John Makdessi, por nocaute;
  • Rustam Khabilov venceu Jason Saggo, por decisão do júri;
  • Dustin Ortiz venceu Zach Makovsky, por decisão do júri,