Walter #Montillo está de volta ao futebol brasileiro. Segundo informações do jornalista Claudio Portela e o que foi divulgado pelo apresentador João Guilherme, da Fox Sports, o jogador argentino chegou a um acordo para disputar a próxima temporada pelo #Botafogo. A negociação já se arrastava há algumas semanas, sendo confirmada pelo empresário do atleta, Sérgio Irigoitia.

“O desejo do Montillo neste momento é morar no Brasil. E só estamos negociando com o Botafogo. Não estamos querendo arrastar muito essa situação, pois o jogador quer ter logo uma definição de futuro. O Montillo é um profissional que acredita muito em projetos”, disse Sérgio.

Publicidade
Publicidade

Aposta do Botafogo para Copa Libertadores

Montillo é mais uma aposta do alvinegro visando a disputa da #Copa Libertadores da América do ano que vem. O jogador estava no Shandong Luneng, da China, e se junta ao goleiro Gatito Fernandes (ex-Figueirense) e ao atacante Roger (ex-Ponte Preta) como reforços do Glorioso para 2017. As contratações têm como objetivo suprir as perdas de peças importantes da temporada 2016, como Sidão – que acertou a transferência para o São Paulo - e Neílton, que retornou ao Cruzeiro após período de empréstimo.

Carreira de altos e baixos

Walter Montillo tem 32 anos e iniciou sua carreira profissional pelo San Lorenzo, da Argentina. Em 2008 transferiu-se para a Universidad do Chile, onde ganhou boa visibilidade após grandes exibições em campo e foi o destaque da partida que eliminou o Flamengo da Libertadores de 2010.

Publicidade

Em julho do mesmo ano, o próprio rubro-negro e o Vasco da Gama tentaram sua contratação, mas quem conseguiu foi o Cruzeiro, onde caiu nas graças da torcida após excelentes partidas. As boas atuações levaram Montillo à Seleção da Argentina, quando disputou o Superclássico das Américas contra o Brasil, em 2011. O jogador permaneceu no clube mineiro até o final de 2012, quando acertou sua transferência para o Santos.

No clube paulista, Montillo não teve o mesmo sucesso do Cruzeiro. O jogador foi bastante contestado, principalmente por ter sido a maior transferência da história do Peixe e por ter a missão de substituir Paulo Henrique Ganso, então transferido para o São Paulo. Após pouco mais de 1 ano com a camisa santista, o argentino acertou sua transferência para o Shandong Luneng, seu clube até o momento.