Durante a madrugada desta segunda-feira (16), foi acertada a quebra do vínculo entre #Jadson e Tianjin Quanjian, da China. O jogador já está com o documento oficial de sua rescisão de contrato em mãos e chega ao Brasil nesta quarta-feira (18) para fazer uma reunião no dia seguinte e definir o seu futuro. Enquanto ele não chega, muitas especulações surgem a todo o momento. Marcelo Robalinho, empresário do jogador, disse que neste momento não há nenhuma negociação em andamento e que ouvirá as propostas quando estiver no Brasil.

O Corinthians é o favorito para fechar negócio, porém o clube tem concorrência do Atlético Mineiro e do São Paulo e o jogador ainda exige 3 anos de contrato.

Publicidade
Publicidade

Mas existem cinco motivos para deixar o torcedor corintiano otimista com o negócio.

1- O perfil do Twitter do jogador é do Corinthians.

Mesmo sendo vendido e indo jogar na China, parece que Jadson ainda sente saudades do tempo de #Corinthians, pois manteve até hoje a foto do seu perfil no Twitter com a camisa do ex-clube. Com o time paulista, Jadson foi campeão brasileiro em 2015, sob o comando do técnico Tite.

2 - Viveu seu melhor momento depois que voltou ao Brasil no Corinthians.

Jadson jogou sete temporadas pelo Shakhtar Donetsk e então foi contratado pelo São Paulo, onde viveu momentos de altos e baixos, o que provocou uma troca com o Corinthians por Alexandre Pato. Jadson chegou ao Timão em 2014, onde viveu seu melhor momento depois que voltou para o Brasil. Foi eleito o melhor meia do Brasileirão em 2015 e disputou com um companheiro de equipe, Renato Augusto, o título de melhor jogador do Brasileirão no mesmo ano.

Publicidade

3 - Corinthians desistiu do negócio com Wagner, que já estava quase fechado.

O Corinthians estava negociando desde o ano passado com o meia Wagner, que estava na China e não estava sendo aproveitado. Faltavam somente alguns detalhes para o clube fechar com o jogador, que tinha dificuldade em se desvincular do clube chinês. Depois de o negócio virar uma novela, o jogador conseguiu entrar em acordo com o clube chinês, mas o Corinthians volta atrás e desistiu do acerto. Durante o mesmo período, Jadson rescindiu seu contrato e agora está livre. Isso fez muitos jornalistas esportivos acreditarem em um acerto entre as duas partes.

4 - A concorrência não está tão forte.

O Corinthians tem a concorrência de outros clubes brasileiros, São Paulo e Atlético Mineiro. Apesar disso, Jadson não aceitaria um retorno para o São Paulo de onde saiu vaiado. O Atlético é o que pode atrapalhar os planos do Timão, mas o Galo já conta com um meia e o salário que o time mineiro pode oferecer para Jadson, apesar de mais alto, não é muito longe do que o Corinthians oferece hoje para jogadores do seu elenco.

Publicidade

5 - Identificação com a torcida do Timão.

Jadson jogou no Corinthians muito recentemente e deixou seu nome marcado na mente do torcedor corintiano com a bela campanha que fez. O jogador também se identifica bastante com o clube, onde foi muito bem recebido e apoiado pelos torcedores.

O negócio ainda não está fechado, mas tudo indica para um acerto com o Timão. Nas próximas horas ou no máximo nos próximos dias, tudo vai se definir. #Reforços