Com a proximidade da estreia oficial do Fluminense em 2017, três jogadores do grupo dirigido por Abel Braga vivem momentos totalmente distintos. Enquanto o zagueiro Gum vem sendo pouco aproveitado e dificilmente voltará a entrar em campo, o apoiador Danielzinho e o meia-atacante Lucas Fernandes começam a agradar o treinador e, brevemente, podem ganhar espaço entre os titulares.

Indo para o oitavo ano nas Laranjeiras, Gum tem uma história vitoriosa dentro do clube. Além dos 25 gols marcados em 354 jogos, formou, com Leandro Euzébio, o sistema defensivo menos vazado dos Campeonatos Brasileiros de 2010 e 2012, anos em que o Flu levantou os títulos das duas competições.

Publicidade
Publicidade

No entanto, jamais foi unanimidade tanto dentro dos bastidores de Álvaro Chaves quanto por parte da torcida e essas críticas se tornaram ainda mais ferozes desde 2015. No início desse ano, surgiu a notícia de que o Trabzonspor, da Turquia, estaria interessado na sua contratação, mas, segundo o empresário do atleta, até o momento, não foi apresentada qualquer proposta oficial. O contrato de Gum com o #Fluminense se encerra em 2019.

Na contramão de Gum, Danielzinho e Lucas Fernandes, atletas formados nas categorias de base do próprio Fluminense e que retornam após vários empréstimos (os últimos foram para o Oeste-SP e o Atlético-PR, respectivamente), vêm comprovando as expectativas ao longo do treinamentos que estão sendo realizados no CT Pedro Antônio, na Barra da Tijuca.

Após uma semana intensa de trabalho, o elenco do Fluminense ganhou folga neste sábado.

Publicidade

A reapresentação acontecerá na manhã de domingo e a expectativa é que Abel confirme o time para o primeiro compromisso em 2017, marcado para a terça que vem, às 20h (de Brasília), no Mário Helênio, em Juiz de Fora, diante do Criciúma, válido pela rodada de abertura da segunda edição da Copa da Primeira Liga, torneio do qual os cariocas lutam pelo bicampeonato. Convocado para o amistoso da Seleção Brasileira contra a Colômbia na próxima quarta, no Engenhão, Gustavo Scarpa desfalcará o Tricolor. Em seu lugar, entra Marcos Júnior. #FutebolBrasileiro #PaixãoPorFutebol