Nos últimos anos, os times brasileiros vem tentando se reforçar com estrelas dentro de campo e que gerem grandes lucros no marketing. Pode-se citar o holandês Seedorf no Botafogo, ou até mesmo Ronaldo Fenômeno no #Corinthians. Uma dessas estrelas que poderiam ter jogado no #Futebol brasileiro é o britânico David Beckham. A revelação foi feita pelo ex-companheiro de Los Angeles Galaxy, o brasileiro Marcelo Sarvas, em entrevista para o programa Fox Sports Rádio Show.

Durante o programa, exibido no início da tarde de sexta-feira (13), Sarvas revelou que chegou a conversar com Beckham, em 2012, sobre seu interesse em jogar no futebol brasileiro, especificamente no Corinthians.

Publicidade
Publicidade

O inglês respondeu que sim, que tinha interesse em atuar no clube paulista. Assim, o próprio Sarvas entrou em contato com a direção do Corinthians explicando a situação.

O jogador de 35 anos, que hoje atua no DC United, contou ainda que o empresário de Beckham chegou a negociar com a diretoria do Corinthians. No entanto, o desfecho não foi positivo porque o clube paulista não fez uma grande oferta pelo astro britânico. De acordo com Sarvas, se o Timão tivesse feito uma proposta grande para o atleta, no sentido de ter um grande planejamento de marketing, Beckham teria aceitado jogar no Corinthians.

Drogba no Corinthians

Desta vez, a direção do Timão não está perdendo e parece ir até o fim para ter o astro marfinense Didier Drogba, conhecido pelo seu futebol e suas conquistas no Chelsea da Inglaterra.

Publicidade

De acordo com as últimas informações, Drogba está muito perto de fechar com o clube paulista.

O atacante de 38 anos aceitou receber um salário de R$ 350 mil mensais fixos mais um bônus por produtividade. Se cumprir os objetivos, Drogba deve receber quase R$ 500 mil mensais. O valor será pago, em sua grande maioria, por patrocinadores e ações de marketing utilizando a imagem do jogador. A curiosidade é que Drogba receberá o mesmo salário que o centroavante Jô, contratado nesta janela de transferências pelo Corinthians. #Mercado da bola